Logo Mais Retorno
petróleo
Economia

China vai liberar reservas de petróleo conforme próprias necessidades

Na véspera, os EUA anunciaram que vão liberar 50 milhões de barris da commodity

Data de publicação:24/11/2021 às 15:36 -
Atualizado um ano atrás
Compartilhe:

A China se comprometeu a promover a liberação das reservas estratégicas de petróleo e outras medidas para manter a estabilidade do mercado conforme as próprias "realidades e necessidades".

Porta-voz do ministério das Relações Exteriores chinês, Zhao Lijian afirmou hoje que Pequim almeja manter comunicação e fortalecer a cooperação com os agentes relevantes no setor, a fim de lidar com os desafios de forma conjunta.

Foto: envato commodities reservas de petróleo
Plataforma de petróleo - Foto: Envato

"Ao mesmo tempo, a China está há muito comprometida em garantir a segurança do abastecimento de energia e estabeleceu um sistema nacional de reservas de petróleo independente e completo", disse, durante coletiva de imprensa.

Ontem, os Estados Unidos anunciaram que vão liberar 50 milhões de barris da commodity de seus estoques, com objetivo de conter a escalada dos preços. Reino Unido, Índia, Coreia do sul e Japão também revelaram planos semelhantes.

"A China está em estreita comunicação com as partes relevantes, incluindo consumidores e produtores de petróleo, com a esperança de garantir estabilidade de longo prazo no mercado de petróleo por meio de comunicação e colaboração", ressaltou Zhao Lijian. / Agência Estado

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

Inscreva-se em nossa newsletter