Logo Mais Retorno
balança comercial
Economia

Balança comercial tem superávit de US$ 113,2 milhões na 4ª semana de setembro

Em setembro, o resultado comercial acumula superávit de US$3,585 bilhões

Data de publicação:26/09/2022 às 17:07 -
Atualizado 2 meses atrás
Compartilhe:

A balança comercial brasileira registrou superávit comercial de US$ 113,2 milhões na quarta semana de setembro de 2022. De acordo com dados divulgados nesta segunda-feira, 26, pela Secretaria de Comércio Exterior(Secex) do Ministério da Economia, o valor foi alcançado com exportações de US$ 6,198 bilhões e importações de US$ 6,085 bilhões.

Em setembro, o resultado comercial acumula superávit de US$ 3,585 bilhões. No ano, o saldo é positivo em US$ 47,460 bilhões.

balança comercial
Balança comercial registra superávit na 4ª semana de setembro | Foto: Reprodução

Balança comercial registra aumento de 23,8% nas exportações

A média diária das exportações registrou aumento de 23,8% na comparação com o mesmo mês do ano anterior, crescimento de 48,9% em Agropecuária, crescimento de 3,7% em Indústria Extrativa e crescimento de 26,7% em Indústria de Transformação. Os dados são das quatro primeiras semanas de setembro.

Já as importações subiram 27,5%, com crescimento de 5,3% em Agropecuária, crescimento de 11,9% em Indústria Extrativa, e, por fim, crescimento de 29,7% em Indústria de Transformação.

O que é balança comercial?

Trata-se de um termo econômico utilizado para quantificar a diferença entre o volume de exportações e importações de um país.

Tem três estados básicos (superávit, déficit e equilíbrio) e é composta pela soma de todos os produtos e serviços vendidos ou comprados por pessoas físicas ou jurídicas.

A principal função da balança é demonstrar, através de medidas econômicas e categorias, a situação financeira das nações.

O seu surgimento data do século XV, época de formação dos Estados modernos e maior compreensão da Economia a nível nacional e internacional.

Como funciona a balança comercial?

A balança comercial é resultado do valor das exportações de um país, subtraído o valor das suas importações.

Exportações (em moeda) - Importações (em moeda) = Balança comercial.

Pode-se, ainda, medi-la em forma de porcentagem.

A chamada taxa de cobertura deriva da razão entre as exportações e importações.

  • (Exportações / Importações) x 100% = Taxa de cobertura.

Por exemplo, a balança brasileira fechou o ano de 2018 com saldo positivo de US$58,298 bilhões.

Com as exportações totalizando US$239,523 bilhões e as importações, US$181,225 bilhões, a taxa de cobertura girou em torno de 132%. /Com Agência Estado.

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

Inscreva-se em nossa newsletter

,