Logo Mais Retorno
videos

Recessão econômica no Brasil: entenda o que é e quando aconteceu

Recessão econômica no Brasil: entenda o que é e quando aconteceu Para começar, é importante explicar que a recessão representa um período em que há uma…

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:19/08/2022 às 14:45 -
Atualizado um mês atrás
Compartilhe:

Para começar, é importante explicar que a recessão representa um período em que há uma contração da economia de um país. Isto é, quando o seu PIB (Produto Interno Bruto), que é a representação de tudo que é produzido e consumido, apresenta uma queda por pelo menos dois semestres consecutivos.

Isso acontece, geralmente, como reflexo de um cenário econômico de alta da inflação, que torna tudo mais caro para o consumidor. Por sua vez, as pessoas deixam de ter confiança na economia e passam a poupar mais do que gastar, visando uma proteção financeira, algo que impacta as empresas negativamente.

Esse cenário econômico gera mais consequências. As empresas, ao verificarem uma queda nos níveis de receitas, precisam cortar custos. Isso leva ao aumento do desemprego e, por consequência, à redução da renda familiar. Por sua vez, com menores ganhos mensais, os brasileiros deixam de consumir e a economia despenca.

Esses fatores, em conjunto, representam um cenário de recessão, que também é conhecido popularmente como "crise econômica". Vamos aproveitar para relembrar como foram as últimas recessões econômicas vividas pelo Brasil e pelo mundo na tentativa de se preparar para um novo ambiente de turbulência.

Agora que você já sabe o que é um cenário de recessão, dê uma olhada no vídeo completo para entender como foi a última vez que houve uma recessão não só no Brasil, mas também no mundo.

Sobre o autor
Autor da Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!