Logo Mais Retorno
videos

Fundos Mútuos de Privatização: como funcionam os FMPs

Fundos Mútuos de Privatização: como funcionam os FMPs Você sabe como funcionam os FMPs, ou melhor, os Fundos Mútuos de Privatização? Neste vídeo você vai entender…

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:29/07/2022 às 11:15 -
Atualizado 20 dias atrás
Compartilhe:

Você sabe como funcionam os FMPs, ou melhor, os Fundos Mútuos de Privatização?

Neste vídeo você vai entender como esses fundos funcionam e se vale a pena investir ou não.

O que é Fundo Mútuo de Privatização?

Fundo Mútuo de Privatização (também chamado de FMP ou FMP-FGTS) é um tipo de fundo de investimento constituído com recursos da conta do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (o FGTS).

Esses recursos são usados para a compra de ações de empresas estatais que estejam sendo privatizadas ou de ações correspondentes à participação acionária da União, estados e municípios.

O fundo mútuo de privatização, assim como qualquer fundo, é uma alternativa de investimento em que os investidores colocam seus recursos nas mãos de um gestor. Ele fica, então, responsável por usar esses recursos para a formação de uma carteira de ativos, cujos rendimentos são divididos entre todos os participantes do fundo.

No entanto, o FMP também tem algumas características bastante particulares. Aperte o play e entenda como eles funcionam, suas características e se vale a pena investir ou não nos FMPs.

ÍNDICE:
00:00 Introdução
00:22 O que é FMP
00:32 Como funcionam os Fundos Mútuos de Privatização
00:55 Regras de um FMP
03:24 Tributação de um FMP
03:48 Como investir em um FMP
04:05 Como Investir nos Melhores Fundos

Gostou do conteúdo? Curta o vídeo, inscreva-se no canal e deixe seu comentário abaixo.

Sobre o autor
Autor da Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!