Logo Mais Retorno
videos

ETFs Zumbi: o que são e por que você precisa tomar cuidado com eles

ETFs Zumbi: o que são e por que você precisa tomar cuidado com eles No episódio 56 do #Descomplica, Bia Prata explica o termo ETF Zumbi.Um…

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:04/02/2022 às 14:41 -
Atualizado 3 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

No episódio 56 do #Descomplica, Bia Prata explica o termo ETF Zumbi.
Um ETF Zumbi - ou Zombie ETF, como é dito em inglês - se trata de um fundo que está sendo pouco negociado ou não apresenta rendimentos satisfatórios, com grande risco de ser encerrado pelo seu emissor.

O nome faz uma analogia ao tipo de criatura cinematográfica que tanto vemos por aí em filmes, séries e até desenhos, os zumbis. São criaturas que estão vivas mas ao mesmo tempo estão mortas, assim como o fundo, que está ativo mas não está rendendo nada, sabe? Ou seja, existe mas já não tem utilidade.

O grande problema acerca de um ETF Zumbi é que, mesmo sem apresentar lucratividade ou qualquer tipo de evolução, ele ainda exige os mesmos custos de manutenção e administração que qualquer outro fundo.

Em outras palavras, os investidores desse fundo pagam por uma administração que não acontece. Além de formarem um patrimônio que não é aplicado - ou é, mas sem qualquer resultado positivo - ainda arcam com os descontos exigidos por esse serviço terceirizado.

Bia Prata te explica tudo o que você precisa saber sobre o termo de maneira descomplicada. Aperte o play e confira!

Ainda ficou com dúvida? Confira tudo sobre ETF Zumbi no nosso Glossário.

Sobre o autor
Autor da Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!