Logo Mais Retorno
Empresa

WEG: conheça a empresa e sua importância no mercado

Quem investe em ações deve se atentar as empresas disponíveis na Bolsa de Valores. Existem grandes oportunidades e é preciso avaliar o que faz sentido para…

Data de publicação:28/06/2022 às 11:44 -
Atualizado um mês atrás
Compartilhe:

Quem investe em ações deve se atentar as empresas disponíveis na Bolsa de Valores. Existem grandes oportunidades e é preciso avaliar o que faz sentido para o seu perfil, carteira de investimentos e momento econômico.

weg
Foto: reprodução | Empresa Weg lucrou R$ 945 milhões no primeiro trimestre de 2022.

Aqui no portal da Mais Retorno você encontrará uma lista completa de empresas no mercado financeiro, acompanhe para realizar sua melhor escolha. Neste artigo você encontra tudo sobre a Weg, empresa composta pelo segmento de bens industriais.

Este texto não se trata de uma recomendação.

A empresa Weg lucrou R$ 945 milhões somente no primeiro trimestre de 2022. Além disso, a receita operacional da instituição somou quase R$ 6,85 bilhões, um aumento de 34,5% em comparação ao mesmo período de 2021. Os resultados do primeiro trimestre de 2022 foram um reflexo do desempenho de vendas nas principais linhas de negócios da empresa.

Mas afinal, o que é a WEG?

Fundada em 1961, sediada em Jaraguá do Sul - Santa Catarina, a WEG é uma companhia voltada para o segmento de bens industriais, compressores, motores, entre outros. Nas últimas décadas, a empresa se tornou global, com fábricas em diferentes países e filiais nos seis continentes.

Atualmente, possui mais de 30 mil colaboradores e 3 mil engenheiros em todo mundo. A principal política da empresa é expandir seus serviços, modernizando seus produtos frequentemente.

Por falar em produtos, a WEG não os vende diretamente a clientes. Sua produção está voltada para compra de insumos e matérias-primas, como cobre, chapas de aços, commodities, para modifica-las e desenvolver equipamentos industriais.

A união de 3 homens

Eggon João da Silva, Geraldo Werninghaus e Werner Ricardo Voigt uniram suas experiências, paixão, comprometimento, entusiasmo e ousadia para construir a WEG. EM 1961, as competências de um administrador, de um mecânico e de um eletricista fundaram a Eletromotores Jaraguá, em Jaraguá do Sul, em Santa Catarina. Após um tempo, a empresa passou a se chamar WEG, sendo reconhecida anos depois, como uma das maiores produtoras de equipamentos elétricos do mundo.

Inicialmente, a companhia só produzia os motores elétricos. A partir da década de 80, a WEG passou a produzir também tintas líquidas e em pó, transformadores de força e distribuição, produtos para automação industrial, vernizes eletroisolantes e componentes eletroeletrônicos.

Composição Acionária

A Composição Acionária da WEG atual está composta da seguinte forma:

Acionistas

Total de Ações

%

Controladores

2.708.297.668

64,52

WPA Participações e Serviços S.A.

2.102.360.004

50,09

Famílias dos Fundadores (direta)

605.937.664

14,44

Administradores

2.771.340

0,06

Conselho de Administração

16.750

0,00

Diretoria

2.754.590

0,06

Conselho Fiscal

3.842.052

0,09

Ações em Tesouraria

1.387.560

0,03

Outros (em circulação)

1.481.019.378

35,38

Total Geral

4.197.317.998

100,00

Frentes de negócios

Poucas companhias são tão robustas como a WEG. Em mais de meio século de existência, a empresa conta com filiais em 36 países, acumula mais de um milhão de metros quadrados construídos, exporta para mais de 125 países e possui fábricas próprias em 12 locais diferentes.

A WEG conta com quatro frentes de negócios:

Equipamentos eletroeletrônicos industriais – Correspondem a 47,6% da produção, incluindo drives, motores elétricos, serviços de manutenção e serviços e equipamentos de automação industrial.

Transmissão, geração e distribuição de energia (GTD) – Equivale a 37,1% da produção de geradores elétricos para térmicas (biomassas) e usinas hidráulicas, subestações, serviços de integração de sistemas, transformadores, painéis de controle, aerogeradores e turbinas hidráulicas (PCH e CGH).

Motores comerciais e appliance – Correspondem a 10,7% da produção da WEG, confeccionando motores monofásicos para bens de consumos duráveis como aparelhos de ar condicionado, lavadoras de roupas, bombas de água etc.

Vernizes e tintas – Equivalem a 4,6% da produção voltada para aplicações industriais, incluindo vernizes eletro-isolantes, tintas líquidas e em pó.

A atividade industrial no mercado externo está aquecida. As vendas de equipamentos industriais para diferentes setores como celulose, papel, mineração, óleo e gás estão em alta. O crescimento foi de quase 23% em comparação ao ano de 2021. Com a pandemia a companhia entende que terá desafios na cadeia de suprimentos global, por conta do aumento dos custos das matérias-primas.

Ações da WEG

As ações da WEG são negociadas na B3. Com a pandemia do Covid-19, os papéis da empresa tiveram uma redução significativa. Portanto, não é o momento adequado para vender os papéis da WEG. Investir nas ações da companhia tem vantagens e desvantagens. As principais vantagens são:

  • Margem alta de lucro
  • Gestão eficiente
  • Histórico consolidado
  • Dívidas controladas
  • Bom posicionamento nos segmentos estratégicos, como transformação e geração de energia
  • Produção voltada para o mercado externo
  • Investimento em tecnologia

No entanto, investir na WEG também podem apresentar algumas desvantagens como desaceleração da economia global, dívidas atreladas ao dólar americano e possíveis mudanças no regulamento da empresa podem reduzir a demanda por produtos.

Vale ou não a pena investir na Weg?

A WEG pode crescer em diversos segmentos ainda como Internet das Coisas, mobilidade elétrica, eficiência energética e energias renováveis. O mundo tem caminhado para reduzir a degradação ao meio ambiente. Na COP26 – Conferência do Clima das Nações Unidas, os países assumiram o compromisso de reduzir drasticamente a emissão de gases de efeito estufa até 2030.

Diante desse cenário, a WEG se uniu a Volkswagen para otimizar a produção de veículos elétricos. Este é um setor que apresenta muito potencial e pode oferecer ativos com crescimento elevado. Mas é preciso analisar seu perfil de investidor, assim como também seus objetivos e momento econômico para que saiba realizar sua escolha.

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!