Última modificação em 2 de dezembro de 2020

O que é YTD?

YTD é uma sigla que significa Year to Date e se refere a um período que começa no início do ano (em janeiro) e termina na data em que um relatório financeiro ou contábil é finalizado, como se fosse a expressão “do começo do ano até hoje” ou “acumulado do ano”.

Coincidentemente, o ano fiscal brasileiro coincide com o calendário normal. Então, quando o YTD tem como referência o ano fiscal, o período ainda é de janeiro até a data atual. Para melhor compreender essa definição, imagine o odômetro de um automóvel. O aparelho é como o YTD, ele conta o número de milhas que o carro andou desde o início de um período — sendo que o marco é o momento que o carro saiu da fábrica.

Vamos supor que você lê em um relatório ou balanço patrimonial: o YTD para o estoque é de 6%. Em outras palavras, do dia 1º de janeiro até hoje, o estoque se valorizou em 6%.

Controle seus investimentos

Baixe agora nossa planilha exclusiva!
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Qual a relevância de ter indicadores YTD?

Criar e estudar esses períodos específicos ano a ano facilita a análise de desempenho pelos investidores, proprietários e outros interessados, especialmente quando existem tendências sazonais.

Imagine a Black Friday de uma empresa estilo Americanas. Ocorre um disparo de vendas nos últimos três meses do ano. Então se os analistas compararem esses resultados com o primeiro trimestre do ano seguinte, pode parecer que tudo saiu do rumo.

Dessa forma, pela tendência dessa estação, o paralelo só pode ser feito com o trimestre do ano anterior.

Ou seja, ter comparações YTD pode garantir a saúde da empresa devido à aplicação ágil de mudanças necessárias para a maximização dos lucros.

O que pode ser comparado em YTD?

Retornos

Retornos acumulados do ano são os lucros obtidos por determinado investimento. Para calcular o YTD de retorno, basta subtrair seu valor no primeiro dia do valor atual. Depois é só dividir a diferença pelo valor no primeiro dia e multiplicar o resultado por 100.

Exemplo: um conjunto de aplicações (ou um único investimento) que valia R$ 100.000 no dia 1º de janeiro passou a valer R$ 150.000 na data do relatório financeiro. A diferença entre os valores é R$ 50.000, que dividido por R$100.000 resulta em 0,5. Para expressar esse valor em porcentagem, se multiplica por 100. Assim, o retorno do portfolio é de 50%.

Rendimentos

De forma também intuitiva, os rendimentos são os ganhos do dia 1º de janeiro à data atual, sem as despesas. É um indicador conveniente para a análise de metas financeiras e estimativas de pagamento de impostos e a sua fórmula é a soma simples, sem subtrações e divisões.

Que termos semelhantes a YTD podem constar nos relatórios financeiros?

Termo do dia

Oferta 476

A Oferta 476 é o conjunto de diretrizes ditadas pela CVM no que se refere ao acesso para o mercado de capitais. Confira mais detalhes sobre ela…