Logo Mais Retorno
termos

Upside: o que é, como funciona e para que serve

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:13/02/2022 às 20:57 -
Atualizado 2 anos atrás
Compartilhe:

O que é upside?

O upside é o termo utilizado, no mercado financeiro, para se referir ao potencial de alta que um determinado ativo possui.

Expresso em forma de porcentagem, ele é definido a partir do conjunto de análises técnicas e fundamentalistas, usados para prever o preço dos títulos.

A importância do upside para o investidor reside, justamente, na capacidade de indicar se um papel está sendo negociado abaixo do que ele realmente vale e representa, portanto, uma boa oportunidade de valorização futura.

Como o upside é calculado?

O upside nasce de um exame detalhado de aspectos como o desempenho da companhia e o histórico de preços do ativo, feito individualmente por um investidor ou por um analista de investimentos.

No que tange à análise fundamentalista, se é ponderado, entre outros aspectos:

  • A capacidade da empresa emitente de gerar receita;
  • O eventual aumento na margem de lucros;
  • O gerenciamento de custos.

Já na análise técnica, a avaliação é focada nas tendências, através do:

  • Histórico de preços;
  • Volume de títulos negociados.

A partir disso, o analista (profissional ou não) tenta antecipar o preço do título no futuro.

Para ilustrar, imagine que uma ação esteja sendo negociada a r$8,00, mas acredita-se que se valorizará até r$12,00. A diferença, nesse caso, é de r$5,00 e o upside, 50%.

Para que serve o upside?

O upside é uma ferramenta de antecipação.

Portanto, ele é utilizado pelo investidor para lucrar com a valorização e com reversões de tendência.

Cabe, entretanto, o cuidado de saber que ninguém tem bola de cristal. Se a leitura contextual do upside não for bem fundamentada, existe um risco real de prejuízos.

Sobre o autor
Autor da Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

® Mais Retorno. Todos os direitos reservados.

O portal maisretorno.com (o "Portal") é de propriedade da MR Educação & Tecnologia Ltda. (CNPJ/MF nº 28.373.825/0001-70) ("Mais Retorno"). As informações disponibilizadas na ferramenta de fundos da Mais Retorno não configuram um relatório de análise ou qualquer tipo de recomendação e foram obtidas a partir de fontes públicas como a CVM. Rentabilidade passada não representa garantia de resultados futuros e apesar do cuidado na coleta e manuseio das informações, elas não foram conferidas individualmente. As informações são enviadas pelos próprios gestores aos órgãos reguladores e podem haver divergências pontuais e atraso em determinadas atualizações. Alguns cálculos e bases de dados podem não ser perfeitamente aplicáveis a cenários reais, seja por simplificações, arredondamentos ou aproximações, seja por não aplicação de todas as variáveis envolvidas no investimento real como todos os custos, timming e disponibilidade do investimento em diferentes janelas temporais. A Mais Retorno, seus sócios, administradores, representantes legais e funcionários não garantem sua exatidão, atualização, precisão, adequação, integridade ou veracidade, tampouco se responsabilizam pela publicação acidental de dados incorretos.
É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos, ilustrações ou qualquer outro conteúdo deste site por qualquer meio sem a prévia autorização de seu autor/criador ou do administrador, conforme LEI Nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.
® Mais Retorno / Todos os direitos reservados