Última modificação em 24 de fevereiro de 2021

O que é setor primário?

O setor primário, no contexto da economia brasileira, é o nome dado às empresas e atividades com foco na produção de matérias-primas. Para isso, é necessário que seja realizada a exploração de alguns recursos naturais, convertendo-os em insumos.

Veja, logo abaixo, alguns exemplos de atividades pertencentes ao setor primário brasileiro:

Qual é a importância do setor primário?

Pela atividade diretamente ligada à produção de matéria-prima, as empresas e negócios que compõem o setor primário são de grande relevância no contexto econômico brasileiro.

Em primeiro lugar, uma parte relevante das receitas do nosso país são originadas em exportações. Sendo assim, a produção de matéria-prima é essencial para que elas possam ocorrer. Além disso, há também uma importância global na medida em que países importadores necessitam destas para suas atividades internas.

Para outros setores e segmentos econômicos, também existe uma grande dependência do setor primário. Ele é, afinal, responsável por abastecer a cadeira produtiva dos demais setores. Sem esses insumos, muitos negócios brasileiros não teriam a condição de produzir e vender aos seus respectivos clientes finais.

Quais são as vantagens do setor primário?

No início do processo de industrialização, o setor primário possuía alta relevância no contexto da economia global. Isso porque, na oportunidade, não existiam tantas empresas como atualmente e, portanto, restava a exploração dos negócios naturais.

Hoje em dia, apesar da uma redução da sua importância, os negócios desse setor econômico seguem com a vantagem de ter uma baixa dependência de outros segmentos para atuar. Uma empresa de móveis, por exemplo, tem grande necessidade de ter um fornecedor de madeira.

Além disso, a evolução tecnológica permitiu um grande incremento de eficiência produtiva. Neste contexto, a própria matéria-prima entregue ganha em qualidade.

Quais são as desvantagens do setor primário?

O maior problema do setor primário está no baixo valor agregado da sua entrega. Ainda que possua um papel de absoluta relevância para a economia nacional, não são produtos valorizados no contexto atual.

Além disso, o setor perdeu a capacidade de empregabilidade. A mesma inovação tecnológica que trouxe benefícios para a eficiência operacional das atividades de exploração, também fez com que pessoas fossem substituídas por máquinas. Esse cenário reduz o poder de compra da população, afetando outros setores, enquanto eleva o índice de desemprego.

Por fim, países cuja economia é focada no setor primário (como é o caso do Brasil) tendem a ser menos desenvolvidos. Isso porque há menor valor agregado na matéria-prima do que nos produtos de outros setores mais frequentes nas principais economias globais.

Termo do dia

Regime de Metas de Inflação

O que é o regime de metas de inflação? Instrumento de política monetária, o regime de metas de inflação foi implementado no Brasil em 21 de…