termos

Sector Rotation

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:07/07/2021 às 09:17 - Atualizado 3 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

O que é Sector Rotation?

Sector Rotation - ou Rotação de Setores, na tradução para o português - é uma estratégia utilizada por alguns investidores no mercado de ações.

Dentro do mercado financeiro existe uma espécie de ciclo natural, onde a economia se expande e se contrai, assim como o desempenho das empresas. Isto é, em determinados momentos eles obtém bons resultados, em outros, obtém maus resultados.

Em todos esses casos, seja no crescimento ou na recessão, quando dividimos as empresas do mercado de ações em 11 setores percebemos que alguns deles irão se sobressair melhor em comparação a outros, dependendo do ciclo econômico no momento.

No Sector Rotation, portanto, existe uma movimentação do dinheiro investido em ações de algum setor para outro que, previsivelmente, terá melhor desempenho no próximo ciclo econômico.

Estágios do Ciclo Econômico

O ciclo econômico é dividido em 4 estágios.

Expansão 

Nesse estágio estamos no pico da economia, com o aumento do consumo e da produção industrial e maior oferta de credito.

Historicamente, os setores da economia que mais lucram nesse estágio são os de energia, consumo não cíclico (higiene pessoal, álcool, tabaco, alimentos) e saúde (comércio e distribuição, equipamentos, medicamentos e outros produtos, serviços médicos hospitalares, análises e diagnósticos).

Desaceleração 

Nesse estágio a economia começa a demonstrar sinais de fragilidade. Apesar de ainda estar em crescimento, ele já é menor do que no período de crescimento.

Historicamente, os setores que têm melhor desempenho nesse estágio do ciclo econômico são: saúde, financeiro e utilidade pública (água e saneamento, energia elétrica e gás, como Sabesp, Sanepar, Copasa, Taesa, etc.).

Crise Econômica 

Nesse momento o desemprego aumenta, o Produto Interno Bruto (PIB) recua, as taxas de juros aumentam e a expectativa do consumidor é baixa.

Historicamente, os setores que mais lucram nesse estágio do ciclo são: financeiro (empresas de atividades bancarias, hipotecarias, corretoras etc.), tecnologia (Apple, Microsoft, Facebook, Google etc.) e consumo discricionário (empresas de produtos automóveis, bens domésticos, artigos têxteis e vestuário como a Magazine Luiza, Renner, etc.).

Recuperação 

Nesse momento a economia começa a melhorar, o desemprego diminui e a expectativa do consumidor aumenta assim como a produção industrial.

Os setores que mais obtêm sucesso nesse estágio são os de indústria (comércio, construção e engenharia, máquinas e equipamentos, material de transporte, serviços e transporte), materiais básicos (produtos químicos, metais e mineração, papel com a VALE, Gerdau, etc.), tecnologia e energia (empresas de gás, petróleo e combustíveis).

Por que o Sector Rotation é importante?

É importante dizer que esse ciclo econômico se repetirá sempre, isso é, sempre haverá uma expansão seguida da desaceleração, crise econômica e posterior recuperação. Ou seja, sempre haverá oportunidade de investir utilizando como base o Sector Rotation.

O único fator que não podemos prever é o momento exato de cada estágio.

Perceba que, sabendo em qual estágio do ciclo econômico estamos, é possível prever quais setores irão se beneficiar e se valorizar no próximo estágio do ciclo.

Portanto, o Sector Rotation é uma estratégia de investimento cuja ideia é equilibrar a exposição a alguns setores da economia em determinados momentos. Seu objetivo é obter o maior rendimento possível sobre cada setor.

Supondo que estejamos no topo da expansão e que o próximo estágio do ciclo econômico será a desaceleração, consequentemente o investidor que utilizar a estratégia aplicará seu dinheiro em empresas de energia, saúde e consumo não-cíclico.

Claro, isso não é uma receita de bolo. Não é porque houve um movimento de alta de um determinado setor econômico que esse movimento se repetirá no próximo ciclo, sabe? O Sector Rotation requer uma gestão ativa por parte do investidor.

É necessário um monitoramento frequente e certeiro dos eventos de mercado e economia para capturar as oportunidades no momento adequado. Por essa razão, estar atento aos diversos índices econômicos fará total diferença na identificação dos ciclos citados.

Sobre o autor
Equipe Mais RetornoA Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!