Roberto castello branco

Última modificação em 12 de Julho de 2021 às 06:24

Quem é Roberto Castello Branco?

Doutor em Economia pela Fundação Getúlio Vargas e Pós-Doutor em Economia pela Universidade de Chicago, Roberto Castello Branco é um economista brasileiro com vasta experiência nos setores público e privado, tendo em seu currículo passagem pelo cargo de presidente da maior estatal do Brasil, a Petrobrás, cujo cargo foi mais importante já ocupado.

O economista é amigo do atual ministro da Economia, Paulo Guedes, com quem compartilha pontos de vista similares em relação a estratégias econômicas, percepções estas que foram lapidadas quando frequentou a Universidade de Chicago, instituição também frequentada pelo ministro Guedes.

O departamento de economia da universidade americana é conhecido por ser uma das grandes escolas de pensamento liberal, no qual são pautadas muitas das ideias dos dois amigos. Essa aproximação ideológica foi fundamental para que Roberto Castello Branco pudesse se tornar presidente da Petrobras, já que isso ocorreu através de um convite de Paulo Guedes, realizado logo após as eleições de 2018.

Currículo de Roberto Castello Branco

Castello Branco, além de ter defendido sua tese de Doutorado na FGV, em 1977, e concluído seu curso de Pós-Doutorado na Universidade de Chicago, entre 1977 e 1978, também foi professor de Economia na EPGE, da Fundação Getúlio Vargas, no fim dos anos de 1970, tendo se tornado diretor dessa mesma instituição no ano de 2014.

Já em 2015, Roberto Castello Branco se tornou presidente do Comitê Financeiro e membro do Conselho de Administração e do Comitê de Auditoria da Petrobras — passando a ocupar esse cargo por meio de um convite feito pela ex-presidente da república Dilma Rousseff.

O economista também atuou como diretor na área de Normas e Mercado de Capitais do Banco Central em 1985. Anos depois, em 1999, ele passou a integrar o quadro de funcionários da mineradora Vale S.A. Assumiu nessa instituição as funções de Diretor de Relações com Investidores e Economista Chefe em um vínculo que durou quinze anos.

Como ganhou notoriedade no mercado financeiro?

Seu currículo e formação já seriam suficientes para tornar Castello Branco uma das figuras mais notáveis da esfera econômica do Brasil. Mas o que realmente chamou a atenção da sociedade de uma maneira geral foi o momento de sua nomeação à presidência da Petrobras.

Isso ocorreu no final de 2018, como já dito, graças a um convite de Paulo Guedes, que viria a ser ministro da Economia do governo do Presidente Jair Bolsonaro no ano seguinte, quando se iniciaria a nova gestão. Guedes e Castello Branco se conheceram no período em que este foi executivo do Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais (Ibmec), cuja fundação contou com a participação de Paulo Guedes.

Sua posse como CEO da Estatal se deu exatamente em 3 de janeiro de 2019, em evento realizado no prédio da empresa localizado no Rio de janeiro. Na ocasião, o novo presidente fez questão de ressaltar em seu discurso que a Petrobras havia passado recentemente por um período crítico e que havia muitos pontos a serem melhorados, apresentando como uma de suas missões a redução de custos.

Roberto Castello Branco foi destituído do comando da Petrobras após sofrer críticas do chefe do Poder Executivo, o presidente Jair Bolsonaro, que se mostrou insatisfeito com os valores referentes ao combustível. Em reunião feita em 12 de abril de 2021, o Conselho da empresa confirmou a saída do então presidente e, no mesmo dia, aprovou a indicação do General Joaquim Silva e Luna para o Conselho.

Munis - Municipal Bonds

Munis - Municipal Bonds

O que são os Munis (Municipal Bonds)? Munis são os títulos da dívida pública municipal americana, emitidos por governos de cidades, condados ou estados para financiar...

  CONTINUAR LENDO

Glossário de Finanças e Investimentos

Pesquise a(s) palavra(s) navegando pelo alfabeto abaixo