Logo Mais Retorno
termos

REOCs

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:17/12/2021 às 10:56 -
Atualizado 7 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

O que são REOCs?

REOCs - ou Real Estate Operating Company, quando expressa a nomenclatura completa - são empresas de capital aberto que reinvestem os lucros do próprio negócio no mercado imobiliário, mais precisamente em títulos de bolsas públicas.

Ao contrário das empresas REITs, por exemplo, não distribuem renda entre os titulares do negócio. Essa operação proporciona um crescimento significativo para a companhia, entretanto, não gera receita imediata. REOCs costumam adotar essa medida como estratégia de autodesenvolvimento.

Antes de nos aprofundarmos no assunto, vamos falar sobre o mercado imobiliário. Você sabe o que é, ou, como ele funciona?

Mercado Imobiliário

Como o próprio nome sugere, qualquer transação financeira relacionada a um imóvel pode ser considerada uma negociação de mercado imobiliário.

Essas negociações podem acontecer de maneira tradicional, em relações de compra e venda, mas também acontecem através de investimentos em Holdings ou Fundos Imobiliários (FIIs).

Ações de compra e venda são consideradas tradicionais. Duas partes negociam as escrituras ou a locação de um imóvel a partir de um contrato, e cumprem com todas as exigências legais acerca dessa operação. Até aqui, sem mistério.

Já os investimentos em Holdings ou FIIs são considerados negociações de nova geração, onde é possível ser proprietário de um complexo de imóveis sem necessariamente comprá-lo ou alugá-lo, apenas adquirindo uma ou mais cotas do estabelecimento.

Se tratando de FIIs, especificamente, as vantagens giram em torno dos valores mínimos para investimento (costumam ser baixos), da isenção de Imposto de Renda (IR) no recebimento de alugueis e, claro, da facilidade na venda das cotas caso queira de desfazer do investimento.

Por outro lado, as vantagens podem estar atreladas as taxas administrativas do fundo. Você pode conferir outras informações acerca de FIIs em nossa plataforma, assim como Holding e outros assuntos!

Como as REOCs funcionam?

As REOCs reinvestem seus lucros em diferentes tipos de imóveis como lojas, edifícios particulares, shoppings, centros comerciais, hotéis, residências, saguões, estacionamentos, assim por diante. Algumas podem, ainda, administrar essas propriedades.

Isso significa que elas não pagam dividendos aos seus acionistas, ao contrário das empresas REITs. Portanto, os investidores que compram ações dessas companhias estão cientes de que sua lucratividade virá a partir da valorização da empresa.

O reinvestimento permite que a empresa expanda seu negócio e, como consequência, aprimore ou desenvolva novos serviços e produtos. Por outro lado, ROECs pagam impostos mais altos quando comparadas com outras companhias da Bolsa de Valores.

REOCs versus ROIC, ROI e REO

A semelhança nas siglas pode causar confusão e gerar certa insegurança em alguns investidores, embora seus significados não sejam nada parecidos.

Enquanto uma Real Estate Operating Company é caracterizada por reinvestir seus lucros em títulos do mercado imobiliário, o ROIC (Return On Invested Capital) se trata de um indicador econômico capaz de demonstrar a rentabilidade sobre os investimentos realizados pelos acionistas.

Isso quer dizer que uma empresa pode ser do tipo REOC e utilizar o ROIC como ferramenta para avaliar o rendimento de suas operações, por exemplo.

Além do ROIC, existem outros indicadores tão famosos quanto, chamados de ROI e ROE.

O ROI (Return Over Investment) avalia o quanto a empresa ganha - ou perde - em cada investimento realizado, e o ROE (Return On Equity) avalia a lucratividade sobre o patrimônio líquido da empresa, após os investimentos feitos pelos acionistas.

Aqui vai uma cola para nunca mais não errar, hein?!

  • REOCs: empresas que reinvestem seu capital no mercado imobiliário;
  • ROIC: indicador de lucros sobre o capital investido pelos acionistas;
  • ROI: indicador de lucratividade sobre os investimentos da empresa em outros negócios;
  • ROE: indicador de rendimento do patrimônio líquido da empresa.

Ficou com alguma dúvida? Fala com a gente!

Sobre o autor
Autor da Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!