Última modificação em 16 de abril de 2021

O que é Durable Good Orders?

O termo Durable Good Orders - ou "pedidos de bens duráveis", em Português - representa um tipo de indicador econômico estadunidense, utilizado pela Census Bureau (agência do Sistema Estatístico Federal dos EUA) para detectar possíveis enganos quanto as condições econômicas do país.

Esses "bens duráveis" são classificados como objetos de vida útil longa - acima de 3 anos, no mínimo. Isso significa que não se desgastam rapidamente, tampouco perdem sua utilidade quando são usufruídos pela primeira vez.

Alguns exemplos de bens duráveis podem ser os equipamentos do setor tecnológico, automóveis, aeronaves, empreendimentos imobiliários, livros, eletrodomésticos, eletroeletrônicos, ferramentas, maquinários e assim por diante.  

Por serem itens produzidos com a finalidade de durar bastante tempo e serem utilizados mais de uma vez, possuem um alto custo de fabricação e consequentemente, de comercialização - já que a demanda não será frequente.

Isso faz com que os Durable Good Orders representem uma movimentação econômica significativa, mas que não necessariamente significa uma progressão da moeda estadunidense. Vamos explicar o porquê!

Como os Durable Good Orders funcionam?

Os Durable Good Orders significam exatamente isso, os pedidos de bens duráveis que são realizados as indústrias fabricantes. Esse montante de pedidos é capaz de constituir um indicador econômico muito útil a Receita Federal dos EUA.

Isso porque, todos os produtos fabricados - em qualquer lugar do mundo - devem possuir um registro a partir do momento em que "ganham vida" e são comercializados, seja no próprio país de origem ou exportado para outra localidade.

Esse registro permite que o governo conclua cobranças de tarifas tributárias, tanto sobre a mercadoria em si, quanto sobre o seu transporte e venda. O resultado do recolhimento de impostos, por sua vez, acaba mensurando automaticamente quais são as condições econômicas de uma nação - positivas ou negativas.

Ou seja, é um meio do governo avaliar se os bens de consumo gerados estão sendo suficientes para manter a população, se o lucro estimado é capaz de arcar com dívidas nacionais ou ser convertido em investimentos para o país, e assim por diante.

Acontece que, por se tratarem de bens duráveis e os mesmos possuírem alto custo de produção e comercialização, as tarifas tributárias também podem ser maiores em comparação aos bens pouco duráveis, como cosméticos, produtos de limpeza, alimentos, bebidas, medicamentos, entre outros.

Isso quer dizer que, se o governo não obtiver controle exclusivo sobre os Durable Good Orders, tais pedidos poderão mascarar a verdadeira condição econômica dos Estados Unidos. Vamos a um exemplo mais prático para que você entenda melhor:

Em um determinado mês do ano, o governo estadunidense precisou investir grande parte de seu capital em novas armas de fogo para o exército. Armas de fogo são bens programados para serem utilizadas mais de uma vez e durarem por muito tempo, certo?

Com isso, o pedido de bem durável nesse setor acabou crescendo, principalmente em comparação aos meses anteriores. Logo, olhando apenas para os dados econômicos do país, uma alta movimentação poderia ser percebida com facilidade!

Entretanto, essa alta movimentação financeira não quer dizer, de fato, que a condição econômica dos Estados Unidos é positiva - tampouco que a população está vivendo tranquilamente e o governo possui capital suficiente par arcar com dívidas ou investimentos.

Os Durable Good Orders são importantes?

Percebeu como os Durable Good Orders são capazes de "mascarar" ou "maquiar" a economia estadunidense?

Se o Census Bureau não tivesse como avaliar esse fato através do indicador desenvolvido, o governo certamente tomaria decisões baseadas em uma situação financeira nacional completamente errada.

Imagine quanto prejuízo isso poderia trazes aos cofres públicos, e até mesmo aos países que utilizam e dependem do dólar.

Termo do dia

NCG – Necessidade de Capital de Giro

O que é NCG – Necessidade de Capital de Giro? A NCG – Necessidade de Capital de Giro – corresponde ao volume de recursos que determinada empresa precisa…