Logo Mais Retorno
termos

Coroa: saiba o que é e como funciona!

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:22/09/2022 às 12:37 -
Atualizado um ano atrás
Compartilhe:

O que é Coroa?

E aí, você escolha cara ou coroa? Essa é uma expressão muito popular que representa uma espécie de brincadeira com a moeda, onde o anverso é cunhado com rosto de uma figura pública, e no avesso há alguma representatividade específica do país.

Pois bem! Tanto a expressão quanto a brincadeira fazem referência a uma das unidades monetárias mais antigas da história, a Coroa.

A princípio, essa palavra nos remete ao adorno utilizado pelos mais poderosos durante alguma monarquia, certo? A coroa de um rei, de uma rainha, de um príncipe ou de uma princesa... Justamente por esse motivo, a moeda ganhou como símbolo um brasão abaixo desse adoro, enquanto o outro lado era cunhado com alguma pessoa politicamente influente.

Um dos regimes monárquicos mais famosos da história, principalmente para os brasileiros, foi o de Portugal. Afinal, o Brasil foi colonizado e posteriormente declarado independente por membros de uma corte portuguesa, Pedro Álvares Cabral e Dom Pedro I, respectivamente.

Neste período histórico, um dos meios de troca utilizados na economia portuguesa era a moeda Coroa, entretanto, a unidade monetária oficial do país europeu era conhecido como Real. No Brasil, o Real ainda seria substituído pelo Cruzeiro, Cruzado e tantas outras até que voltasse a unidade original.

Por mais que tenha sido utilizada por Portugal durante um certo tempo, a origem da Coroa provém de raízes nórdicas que adentraram o continente Europeu, principalmente com a União Monetária Escandinava, que foi fundada em 1872 e desfeita em 1905.

Essa União tinha como propósito instituir uma única moeda entre os países membros (Dinamarca, Noruega e Suécia) com base no peso do ouro. Mesmo com o fim desse pequeno bloco econômico, tais países continuaram a utilizar a coroa como unidade monetária oficial.

Coroa Dinamarquesa

Foi introduzida em 1975. Seu código internacional é DKK e seu símbolo é "kr". As moedas são de 0,50, 1, 2, 5, 10 e 20 coroas, enquanto as notas são de kr 50, kr 100, kr 200, kr 500 e kr 1000.

Coroa Norueguesa

Foi introduzida em 1875. Seu código internacional é NOK e seu símbolo também é "kr". As moedas são de 1, 5, 10 e 20 coras, enquanto as notas são de kr 50, kr 100, kr 200, kr 500 e kr 1000.

Por ser uma moeda sólida, é uma das 10 mais negociadas em todo o mundo.

Coroa Dinamarquesa 

Foi introduzida em 1873. Seu código internacional é SEK e seu símbolo também é "kr". As moedas são de 1, 5 e 10 coras, enquanto as notas são de kr 20, kr 50, kr 100, kr 500 e kr 1000.

Além da Coroa, quais são as outras moedas utilizadas na Europa?

A principal delas sem dúvidas é o Euro, mas também são utilizados o Franco Suíço, a Libra, o Dinar, entre outras.

É interessante que a moeda mais utilizada seja também a mais recente da história, pois sua circulação se tornou oficial e obrigatória apenas em 2002. Antes disso, cada país utilizava uma unidade monetária diferente - as quais possuem valores distintos nos dias atuais. 

A Zona do Euro, criação da União Europeia em 1999, conta com 19 dos 28 países membros do bloco, são eles: Alemanha, Áustria, Bélgica, Chipre, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Irlanda, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos e Portugal.

O código internacional do Euro é EUR, enquanto seu símbolo é representado por "€". As moedas são de € 0,01, € 0,02, € 0,05, € 0,10, € 0,20, € 0,50, € 1,00 e €2,00, já as cédulas são divididas entre 5, 10, 20, 50, 100, 200 e 500 euros.

Sobre o autor
Autor da Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

® Mais Retorno. Todos os direitos reservados.

O portal maisretorno.com (o "Portal") é de propriedade da MR Educação & Tecnologia Ltda. (CNPJ/MF nº 28.373.825/0001-70) ("Mais Retorno"). As informações disponibilizadas na ferramenta de fundos da Mais Retorno não configuram um relatório de análise ou qualquer tipo de recomendação e foram obtidas a partir de fontes públicas como a CVM. Rentabilidade passada não representa garantia de resultados futuros e apesar do cuidado na coleta e manuseio das informações, elas não foram conferidas individualmente. As informações são enviadas pelos próprios gestores aos órgãos reguladores e podem haver divergências pontuais e atraso em determinadas atualizações. Alguns cálculos e bases de dados podem não ser perfeitamente aplicáveis a cenários reais, seja por simplificações, arredondamentos ou aproximações, seja por não aplicação de todas as variáveis envolvidas no investimento real como todos os custos, timming e disponibilidade do investimento em diferentes janelas temporais. A Mais Retorno, seus sócios, administradores, representantes legais e funcionários não garantem sua exatidão, atualização, precisão, adequação, integridade ou veracidade, tampouco se responsabilizam pela publicação acidental de dados incorretos.
É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos, ilustrações ou qualquer outro conteúdo deste site por qualquer meio sem a prévia autorização de seu autor/criador ou do administrador, conforme LEI Nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.
® Mais Retorno / Todos os direitos reservados