Logo Mais Retorno
termos

Capture Ratio

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:15/06/2022 às 10:29 -
Atualizado 14 dias atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

O que é capture ratio?

Capture ratio é um índice que conta com uma estrutura analítica que indica a força de um fundo mútuo para enfrentar um mercado turbulento. Basicamente, ele revela informações que os retornos finais não conseguem divulgar.

Esse tipo de índice também permite decompor os retornos anualizados mais complexos para mostrar o desempenho — inferior ou superior — de um fundo durante uma alta ou queda do mercado. Ele também destaca a capacidade do gestor de fundo de gerar retornos ajustados aos riscos mais altos. Um capture ratio é expresso em porcentagem e é possível encontrá-lo em períodos de um, três, cinco, 10 ou 15 anos na ficha técnica do fundo em questão.

Quais são os tipos de capture ratio?

O capture ratio facilita a análise do desempenho dos gestores de fundos e permite a escolha dos desempenhos superiores em vez dos inferiores. Com isso em mente, ele pode ser dividido em dois tipos distintos: upside capture ratio e downside capture ratio.

Upside capture ratio

O upside capture ratio é utilizado para analisar o desempenho de um gestor de fundos durante os chamados bull runs — ou seja, quando o benchmark sobe. A sua proporção é expressa em porcentagem e ele é calculado ao dividir os retornos do fundo pelos retornos de referência durante um período de alta.

A fórmula para ele é a seguinte:

Upside capture ratio = (retornos do fundo durante períodos de alta / retornos de referência) x 100

Esse índice mostra a capacidade do fundo de superar o benchmark do momento dos períodos de alta. Além disso, ele também consegue dar uma ideia de quanto mais retorno o fundo ganhou em comparação com o mesmo benchmark.

Um capture ratio superior a 100, nesses casos, indica que o fundo superou o índice de referência durante o período de recuperação do mercado. Então, por consequência, se um fundo tiver uma taxa de 150 mostra que ganhou 50% a mais que o seu benchmark durante o período de alta.

Downside capture ratio

Um downside capture ratio é utilizado para analisar o desempenho de um gestor de fundo durante uma tendência de baixa — ou, em outras palavras, quando o benchmark cair. Ele é calculado ao dividir os retornos do fundo pelos retornos de referência durante um período de baixa do mercado.

Em fórmula, ele é apresentado da seguinte maneira:

Downside capture ratio = (retornos do fundo durante períodos de baixa / retornos de referência) x 100

Com ele, é possível saber quantos retornos menores o fundo perdeu em comparação com o benchmark no momento de baixa. Caso o capture ratio seja inferior a 100 significa que o fundo conseguiu perder menos que o índice de referência durante a queda do mercado no momento analisado. Isso significa que um fundo com downside capture ratio de 80 perdeu 20% menos que o seu benchmark no período de baixa.

Como usar um capture ratio na seleção de fundos mútuos?

Um capture ratio pode ser uma ferramenta muito útil para que o investidor consiga selecionar o fundo mútuo mais apropriado. A regra é escolher um fundo que ganhe mais que o benchmark durante uma alta e perca menos que ele em períodos de baixa.

Ao comparar fundos mútuos, a dica é sempre escolher aquele com maior taxa de captura de upside e menor taxa de captura de downside. Isso porque o gestor do fundo precisa justificar a taxa cobrada dos investidores e, caso contrário, seria melhor investir em outros tipos de fundo — como os com índice de baixo custo.

O capture ratio também pode ser utilizado para avaliar se o fundo está funcionando de acordo com o seu objetivo de investimento. Quando ele é o de superar o benchmark e o seu índice estiver próximo de 100, por exemplo, indica que o fundo não está atingindo o seu objetivo — já que, idealmente, ele deveria ter sido superior a esse número.

Sobre o autor
Autor da Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!