Última modificação em 13 de janeiro de 2021

O que é Burn Rate?

burn rate - ou "taxa de queima" em Português -  é uma métrica utilizada para determinar qual a capacidade de manutenção das operações de uma empresa.

Em se tratando da gestão de custo de uma empresa, a burn rate é um índice relevante para os administradores da mesma, pois a taxa aponta qual o valor será despendido por mês para mantê-la em funcionamento.

Por meio da taxa de queima é possível saber o quão perto uma empresa está de “queimar” seu capital. Isto é, precisa-se saber em quanto tempo capital será consumido para manter as operações em plena atividade.

Ter em vista qual a burn rate de uma empresa, em especial se ela acaba de entrar no mercado, é fundamental para saber não somente como ela vai sobreviver à crises, mas também como irá se sustentar em tempos normais..

Qual é a importância da Burn Rate?

A importância dada à taxa de queima na gestão de custos de uma empresa é muito grande pelo fato de ela revelar ao empresário quanto deve investir todos os meses em seu negócio.

Quando uma pessoa decide empreender, ela deve ter a consciência de que não basta apenas ter o capital inicial, é necessário também uma reserva de capital para reinvestimento mensal.

Desse modo, para quem vai abrir um negócio, saber quanto será sua burn rate é algo fundamental e que não deve ser desprezado de forma alguma.

Outra característica muito importante da taxa de queima é o fato de ela mostrar ao empresário como está a saúde financeira da empresa.

Se a taxa de queima de um negócio é muito alta, esse pode ser um sinal de alerta: talvez o empresário tenha subestimado os gastos necessários para sua manutenção ou tenha ocorrido algum evento que a prejudicou.

Nesse sentido, é preciso ter atenção não somente no “quanto” se gasta, mas também em “como” se gasta. É evidente que toda empresa, no início, tende a demorar um certo período de tempo para se estabilizar.

Não podemos falar em um tempo exato para que haja estabilização de um novo negócio, até porque existem muitas variáveis que alteram seu comportamento ao longo do tempo.

Fato é que a sobrevivência de um negócio depende muito da expertise do empresário ou dos sócios e de sua capacidade de adaptação às novas realidades.

O conhecimento da taxa de queima de capital da empresa, nesse sentido, é essencial para alinhar estratégias e tomar decisões que permitam a manutenção das atividades dessa.

Como calcular a Burn Rate?

Para saber qual é a burn rate de uma empresa é necessário subtrair seu balanço financeiro no início do ano e o balanço financeiro no final do ano. Assim, tempo a fórmula:

TQ = BI - BF; onde TQ é a taxa de queima, BI é o balanço no início do ano e BF é o balanço no final do ano. Assim, o empresário sabe quanto é despendido por ano para a manutenção de seu negócio e pode se planejar financeiramente.

Outro cálculo importante de ser feito é o da taxa de queima líquida. Isso porque existem duas taxas de queima diferentes, a bruta e a líquida.

A burn rate bruta é correspondente ao valor total gasto com os custos operacionais. Já a taxa de queima líquida corresponde ao total que a empresa perde a cada mês.

Assim, podemos calcular qual a real taxa de queima mensal da empresa a partir da subtração desses valores como na fórmula que se segue:

TQR = TQL - TQB, onde TQR é a taxa de queima real mensal, TQL é a taxa de queima líquida e a TQB é a burn rate bruta.

Termo do dia

AFAC

O que é AFAC?  AFAC (Adiantamento para Futuro Aumento de Capital) é um dos instrumentos que podem ser empregados para injetar capital em uma empresa, sendo que…