Última modificação em 18 de janeiro de 2021

O que é Beta Alavancado?

O beta alavancado é um indicador que aponta a sensibilidade de uma determinada empresa em relação à tendência do mercado de forma geral.

Isto é, ele demonstra o quanto as movimentações positivas e negativas do mercado podem impactar o desempenho de empresas de capital aberto!

O índice beta é um número utilizado para medir os riscos de uma instituição dentro de seu segmento de mercado, e não representa o risco tomando como base todos os setores. Sendo assim, pode ajudar os investidores a saber o quão arriscada é uma empresa em comparação com outras de seu mesmo setor.

Mas como é calculado e como devemos interpretar o índice do beta alavancado? É isso que vamos apresentar nos tópicos a seguir.

Como calcular o Beta Alavancado?

Antes de abordar o cálculo em si, é preciso diferenciá-lo de um outro índice beta: o beta desalavancado. Isso é importante porque o cálculo do primeiro depende do muito do segundo.

Enquanto o beta desalavancado desconsidera a importância do passivo total da empresa para efeitos de cálculo, o beta alavancado considera e dá relevância esse valor. É justamente pelo fato de considerar o valor de investimentos de terceiros como um possível impulso, que esse índice beta recebe o nome de “alavancado”.

Portanto, veremos que para calcular o beta alavancado iremos utilizar o valor beta desalavancado bem como o valor da dívida. A fórmula para esse cálculo é seguinte:

BA = BD * (1 + (1 - T) * (D/E), onde BA é o beta alavancado, BD é o beta desalavancado, T é a alíquota de tributos que incidem sobre a renda, D são as dívidas e E é o patrimônio líquido.

A partir do valor resultante da aplicação dessa fórmula, podemos interpretar o risco de uma empresa em relação ao seu segmento de mercado de modo geral.

Como interpretar o Beta Alavancado?

Como vimos, o beta alavancado serve para mensurar o risco - ou volatilidade - dos papéis de
uma empresa baseado na comparação com outras do mesmo setor considerando os custos de alavancagem da mesma.

A alavancagem, por sua vez, se materializa na forma de dívidas, uma vez que é o capital de terceiros que entra no balanço financeiro da empresa para alavancar seu crescimento. Isso implica que se o valor da dívida foi maior do que o patrimônio, maior sua alavancagem.

Mais Retorno, como isso se manifesta através do cálculo mencionado acima?

Se uma empresa é altamente alavancada, o beta alavancado que resulta desse cálculo tende a ser maior do que 1 positivo e menor que 1 negativo. Sendo assim, podemos dizer que a instituição é mais volátil em relação às demais instituições de seu segmento de mercado.

Ao contrário, se ele for menor do que 1 positivo e maior que 1 negativo - valor obtido quando o patrimônio é maior do que o da dívida - a volatilidade do preço da ação é menor do que a média do mercado.

Ou seja, se uma empresa tem um beta alavancado maior que 1 ou menor que menos 1, qualquer oscilação em seu segmento pode impactar dramaticamente o preço de suas ações.

Qual é a vantagem do Beta Alavancado?

Entre os analistas financeiros há divergências em relação à vantagem do uso do beta alavancado.

Enquanto Modigliani e Miller apontam que a estrutura de capital de uma empresa é irrelevante para compreender o risco dela, Myers afirmou a relevância de considerar essa estrutura dado o risco de falência de uma instituição altamente alavancada.

Tomando ambos os pontos de vista como pontos de partida para a análise, podemos concluir que a vantagem do beta alavancado - se há mesmo alguma vantagem - é sua precisão.

Isso porque, ao considerar o endividamento da empresa, o beta alavancado é mais preciso por apontar para um nível de volatilidade com risco de falência.

Termo do dia

Ágio

O que é o ágio? Ágio é um termo utilizado no mercado financeiro para designar a diferença entre o valor de mercado de um produto e…