Última modificação em 2 de março de 2021

O que é o Banco Popular da China?

O Banco Popular da China (ou PBOC) é o banco central da República Popular da China. Localizado em Pequim, foi estabelecido em 1º de dezembro de 1948 e, desde a sua inauguração, é responsável por toda a política monetária e regulamentação fiscal da China Continental.

Após a vitória do Partido Comunista Chinês e a criação oficial da República Popular da China, os bancos Beihai, Huabei e Xibei Farmer foram consolidados para formar o que é hoje o Banco Popular da China. O PBOC é considerado como um dos maiores bancos centrais do mundo, já que conta com mais de 3 trilhões de dólares em reservas cambiais.

Qual é a estrutura do Banco Popular da China?

O Banco Popular da China estabeleceu, até hoje, 9 filiais regionais: em Xangai, Jinan, Xi’an, Chengdu, Wuhan, Guangzhou, Shenyang, Nanjin e Tianjin. Além disso, conta com dois escritórios de operações em Pequim e em Chongqing, 303 sub filiais municipais e 1809 sub filiais a nível de condado.

No exterior, conta com 6 escritórios de representação. Um deles para a América, um em Londres para a Europa, o Escritório de Representação em Tóquio, um em Frankfurt, um para a África e o Escritório de Ligação no Banco de Desenvolvimento do Caribe.

Algumas empresas e instituições estão diretamente subordinadas ao PBOC. Entre elas, é possível citar:

O Banco Popular da China é administrado por um conselho de administração. A direção é do governador Yi Gang juntamente com 5 vice-governadores e um inspetor-chefe.

Quais são as responsabilidades do Banco Popular da China?

Entre as responsabilidades do PBOC está a redação de regulamentos e leis para as suas funções financeiras, o que inclui a implementação de política monetária para manter o crescimento econômico e a estabilidade financeira do país. Outras responsabilidades envolvem a regulamentação dos mercados financeiros, a emissão da moeda para circulação, a definição da taxa de juros e a gestão do câmbio.

Todas as empresas públicas são financiadas pelo Banco Popular da China. O financiamento para esses negócios era, anteriormente, fornecido por meio de transferências de verbas do Estado. O Banco Estatal, sob supervisão direta do PBOC, é quem administra as operações de transferência de subsídios. Além disso, o banco ainda é responsável pela regulamentação dos empréstimos interbancários e do mercado de títulos.

Como funciona o Banco Popular da China?

Como dito anteriormente, a direção do PBOC é composta pelo governador e 5 vice-governadores. A nomeação ou destituição do responsável é feita pelo Congresso Nacional do Povo ou pelo seu Comitê Permanente. O candidato ao cargo de governador do banco é indicado pelo Premier da República Popular da China e é aprovado pelo mesmo Congresso Nacional do Povo.

Em relação à taxa de juros definida pelo banco, historicamente sempre foi divisível por 9 ao invés de 25 — como acontece no resto do mundo. No entanto, o PBOC começou a aumentar as taxas em 0,25% no dia 19 de outubro de 2010 e, agora, as taxas já são divisíveis por 25.

As reservas cambiais do Banco Popular da China cresceram de U$S 416 bilhões em 2004 para, aproximadamente, U$S 3,7 trilhões em 2015, o que se deu pelo resultado de um balanço de pagamentos consistentemente positivo ao longo dos anos. Já as suas reservas caíram para aproximadamente U$S 3,06 trilhões no final de março de 2020 por conta da crise da Covid-19.

Termo do dia

ISE – Índice de Sustentabilidade Empresarial

O que é ISE? O ISE – sigla correspondente a “Índice de Sustentabilidade Empresarial” – é um recurso utilizado para mensurar qual o nível de sustentabilidade que as…