Logo Mais Retorno

Siga nossas redes

  • Instagram Mais Retorno
  • Youtube Mais Retorno
  • Twitter Mais Retorno
  • Facebook Mais Retorno
  • Tiktok Mais Retorno
  • Linkedin Mais Retorno
bancos digitais
Empresa

Nubank reestrutura área de operações no Brasil e fecha 296 vagas no setor

A fintech não informou se todas essas vagas estavam ocupadas, mas disse que parte dos funcionários afetados foram realocados internamente

Data de publicação:09/06/2023 às 08:00 -
Atualizado 9 meses atrás
Compartilhe:

O Nubank iniciou nesta quarta-feira, 7, uma reestruturação da área de Operações no Brasil, e como resultado, fechou 296 vagas que eram ligadas ao setor. A fintech não informou se todas essas vagas estavam ocupadas, mas disse que parte dos funcionários afetados foram realocados internamente.

Em nota, o banco digital afirmou que unificou as equipes da área de Operações, que antes eram separadas por produto, organização que era necessária para expandir a prateleira nos primeiros anos de operação. 

Nubank-divulgacao-800×485-1
Nubank justificou demissões por “redundâncias na unificação das equipes” e parte de funcionários foi realocada

"Agora, com um portfólio robusto, e após uma profunda análise de modelos e processos, foi identificada a necessidade de consolidar as equipes de produto em uma organização centralizada", disse a instituição.

Segundo o Nubank, haverá ganhos de escala com a gestão integrada dos produtos e serviços. As funções eliminadas vieram da detecção de redundâncias na unificação das equipes, e parte dos funcionários se realocou no neobanco.

Os dispensados receberão benefícios como salários adicionais por tempo de casa, extensão temporária do plano de saúde e uma verba de apoio para recolocação no mercado. "As movimentações ocorrem em funções administrativas, e não terão impacto no atendimento final ao cliente", afirmou o Nubank.

Pessoas que foram dispensadas, ouvidas pela reportagem sob anonimato, afirmaram que os cortes estão sendo feitos por grupos. Segundo os relatos, houve uma conferência com o gerente da equipe para comunicar as dispensas, sem que as lideranças diretas tivessem sido informadas. "O time de operações é formado por quase 2 mil pessoas no Brasil", disse uma delas.

Nos últimos meses, a fintech fez outras dispensas de modo pontual, também após reorganizações internas. Um dos ex-funcionários disse que, nos últimos meses, houve discussões sobre cortes que geraram apreensão nas equipes.

"Alguns meses depois, foi anunciado que passaríamos por uma grande mudança na área de operações, e foi algo que trouxe ansiedade novamente", disse essa pessoa, sob anonimato. "Eu já tinha passado por reestruturações, e sempre ocorrem desligamentos."

Outros cortes

Outros bancos digitais, como Neon e C6, também fizeram cortes de centenas de funcionários, focados, em muitos casos, nas áreas de produto, menos demandadas agora que a plataforma das instituições estão completas.

O Nubank acaba de completar dez anos de existência, e na última semana, começou a patrocinar o Jornal Nacional, da TV Globo, um dos mais caros espaços publicitários do País.

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

® Mais Retorno. Todos os direitos reservados.

O portal maisretorno.com (o "Portal") é de propriedade da MR Educação & Tecnologia Ltda. (CNPJ/MF nº 28.373.825/0001-70) ("Mais Retorno"). As informações disponibilizadas na ferramenta de fundos da Mais Retorno não configuram um relatório de análise ou qualquer tipo de recomendação e foram obtidas a partir de fontes públicas como a CVM. Rentabilidade passada não representa garantia de resultados futuros e apesar do cuidado na coleta e manuseio das informações, elas não foram conferidas individualmente. As informações são enviadas pelos próprios gestores aos órgãos reguladores e podem haver divergências pontuais e atraso em determinadas atualizações. Alguns cálculos e bases de dados podem não ser perfeitamente aplicáveis a cenários reais, seja por simplificações, arredondamentos ou aproximações, seja por não aplicação de todas as variáveis envolvidas no investimento real como todos os custos, timming e disponibilidade do investimento em diferentes janelas temporais. A Mais Retorno, seus sócios, administradores, representantes legais e funcionários não garantem sua exatidão, atualização, precisão, adequação, integridade ou veracidade, tampouco se responsabilizam pela publicação acidental de dados incorretos.
É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos, ilustrações ou qualquer outro conteúdo deste site por qualquer meio sem a prévia autorização de seu autor/criador ou do administrador, conforme LEI Nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.
® Mais Retorno / Todos os direitos reservados