Outros

O Credit Suisse confirmou o desligamento de José Olympio Pereira do comando da operação brasileira em comunicado a funcionários da empresa divulgado nesta quarta-feira, 26. Ele deve permanecer como CEO até o fim do ano. Olympio e o Presidente do Conselho, Ilan Goldfajn, conduzirão o processo de escolha do sucessor. 

José Olympio Pereira é CEO do Credit Suisse no Brasil desde 2012

"José Olympio Pereira liderou o crescimento da nossa franquia brasileira, tornando a unidade brasileira prioridade para o Credit Suisse. Sob seu comando, consolidamos nossa posição como único banco global no Brasil com forte presença local tanto em Investment Banking quanto em Wealth Management", diz o documento.

Ao longo de seus 36 anos de carreira no mercado financeiro, José Olympio trabalhou 33 anos em instituições que hoje formam o Credit Suisse no Brasil, de acordo com o banco. O texto lembra que ele iniciou sua carreira no Banco de Investimentos Garantia, em 1985,  e presidiu a subsidiária brasileira do Banco de Investimentos Donaldson, Lufkin & Jenrette (DLJ) de 1998 a 2001.

Em 2004, foi Head da área de Investment Banking e conduziu o Credit Suisse no Brasil à liderança do mercado brasileiro. Desde 2012, atuou como CEO do banco no Brasil. "O Brasil é estratégico para o Credit Suisse e o banco está comprometido em continuar investindo neste mercado prioritário", diz ainda o comunicado.

Imagem do autor

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Visualizar Comentários

Empresa
Economia
Imposto de Renda
Mercado Financeiro
Veja mais Ver mais