Empresa

Ações da Ânima disparam com aporte de R$ 1 bilhão da DNA Capital

Recursos devem consolidar o braço de ensino de medicina da empresa no mercado

Data de publicação:30/11/2021 às 15:15 - Atualizado 2 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

As ações da Ânima Educação dispararam no pregão desta terça-feira com o anúncio de aporte de R$ 1 bilhão da DNA Capital na Inspiralli (subsidária). Em troca, a gestora passa a deter 25% da divisão de cursos de medicina da Ânima.

Às 15h20, os papéis da Ânima subiam 15,38%, cotados a R$ 7,80, mas a alta chegou a ser de quase 20% na parte da manhã, logo após o anúncio da operação. Os analistas receberam bem a notícia e acreditam em valorização da empresa e suas ações.

ânima educação

Principalmente porque o investimento deve fortalecer e consolidar a Ânima no ensino de medicina, uma vez que o setor já ocupa a segunda colocação do mercado, avaliado em R$ 5 bilhões.

Os analistas da XP Investimentos acreditam que o aporte deverá destravar valor e recomendam a compra da ação.

Chamou a atenção do mercado tanto o volume de recursos como o fato de a DNA Capital ser uma gestora de fundos voltados para o setor de saúde. Uma indicação de que outras sinergias poderão ser aproveitadas com a transação, com elevação de resultados e lucro da Ânima.

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!
ITBI

ITBI

O que é o ITBI? O Imposto sobre a Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) é um tributo municipal que incide, conforme determinação da própria Constituição Federal...

  CONTINUAR LENDO