Open Nav

Subsidiária

O que é Subsidiária?

Dentre milhares de gestões econômicas existe um modelo específico no qual estão envolvidas duas empresas, sendo que a de maior poder controla a outra, ainda que cada uma delas tenha seu próprio nome, posicionamento no mercado e CNPJ. 

Essas empresas que são controladas se chamam subsidiárias – ou ainda, “controladas”. São classificadas em duas maneiras: subsidiária simples e integral.

A real diferença entre ambas é que, ao contrário da subsidiária “simples”, a empresa subsidiária integral é necessariamente uma S.A. – Sociedade Anônima. Esta possui todas as suas ações  controladas por um sócio de outra empresa. 

Já a subsidiária integral é desenhada em diferentes formatos, mais especificamente, em escritura pública ou incorporação total de ações e títulos. 

Na subsidiária por escrituração pública há necessidade da criação de uma nova empresa, que deverá responder à sua proprietária. É um processo complexo e bastante burocrático.

Por outro lado, através da incorporação total de ações, uma empresa toma posse das ações de outra companhia já existente. 

É um processo muito mais fácil e comum, já que basta apenas apropriar-se daquilo que já existe, integralizando as ações em seu capital social e obtendo total controle sobre elas.

Existe ainda um terceiro modelo de empresa subsidiária: aquela é tem suas ações controladas por companhia estatais – em geral, empresas públicas ou sociedades de economia mista criadas pelo Estado.

Esta categoria de empresa permite a exploração de atividades econômicas, como ocorre com as companhias privadas, ou mesmo prestar serviço público. 

Aqui no Brasil, uma das maiores empresas a possuir grande número de subsidiárias é a Petrobrás, que além de cuidar da indústria petrolífera também controla outros segmentos, como a Liquigás e a Transpetro.

Como Investir nos Melhores Fundos

Quais são as vantagens e desvantagens de possuir uma empresa Subsidiária?

Dentre as vantagens, podemos destacar os seguintes pontos:

  • Do ponto de vista da empresa subsidiária, os problemas relacionados ao financiamento se reduzem significativamente;
  • A empresa-matriz pode ser constituída através das ações de uma empresa subsidiária, a fim de economizar com as despesas de criação; 
  • No que diz respeito a estratégia de mercado, as empresas-matriz conseguem abranger uma maior cota de mercado e, simultaneamente, reduzir ou eliminar a concorrência em seu segmento;
  • As empresas subsidiárias podem, ainda, optar por serem absorvidas com o objetivo de ter uma ajuda financeira. Ou seja, há possibilidade de expansão enquanto entidade.

Porém, existem também algumas dificuldades a serem pontuadas:

  • Este modelo não se adapta a qualquer tipo de produtos e serviços no mercado;
  • A empresa-matriz deve ter um restrito controle contável sobre a empresa subsidiária;
  • A empresa subsidiária tem uma autonomia muito limitado, pois depende da empresa-matriz.
Como Investir nos Melhores Fundos

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais.

Nos ajude a melhorar o conteúdo desse texto! Envie um complemento ou correção por aqui para deixar esse conteúdo ainda melhor. Seu nome pode ser citado como revisor desse conteúdo com a sua permissão! ;)

Envie sua sugestão


Conheça também os termos relacionados