Open Nav Logo Mais Retorno

PC- Passivo Circulante

Avalie este post

O que é o Passivo Circulante?

Passivo Circulante são todas as obrigações de curto prazo -período de 12 meses- e que toda empresa possui para manutenção das suas atividades.

Os itens do Passivo Circulante são facilmente vistos no Balanço Patrimonial como:

  • Contas a pagar;
  • Despesas Provisionadas;
  • Dívidas de curto prazo;
  • Dívidas de longo prazo, mas que já estão vencendo;
  • Empréstimos de curto prazo;
  • Impostos a recolher;
  • Fornecedores de matéria-prima;
  • Entre outras contas passivas.

Um passivo é sempre um valor que se deve a alguém por parte de uma empresa. E esses valores serão pagos com a conta respectiva ativa – ativo circulante.

A grande sacada aqui é que o Passivo Circulante deve vencer dentro de um ano, não mais que isso.

Qual a diferença entre ativo circulante e passivo circulante?

Dando uma explicação bem básica, ativo circulante é composto pelos valores que a empresa tem a receber em um curto prazo de tempo.

Já o passivo circulante é a soma de todas as obrigações de curto prazo. Consideramos curto prazo o período de 12 meses. Ultrapassando isso, já é considerado longo prazo.

Para sabermos a capacidade de pagamento de uma empresa é preciso subtrair esses dois valores nesta ordem: ativo circulante – passivo circulante.

O que analistas observam do Passivo Circulante?

Eles geralmente usam com frequência um valor de ativo circulante dividido pelo passivo circulante, ou ainda ativo circulante menos inventários dividido por passivo circulante.

O cálculo do CCL – capital circulante líquido – é o que ajuda nesses casos na compreensão da capacidade pagadora da empresa.

Como se apresenta o Passivo Circulante?

No Balanço Patrimonial, o passivo circulante é apresentado como segue abaixo:

Obrigações com funcionários

Relativas à salários a pagar, férias a pagar, participação nos resultados, abonos entre outras verbas trabalhistas.

Provisões de férias e 13° salário

Inclui os devidos encargos e o ? de férias.

Obrigações Tributárias

Parcelas a vencerem no curto prazo relativas a programas de refinanciamento de dívidas previdenciárias e fiscais.

Fornecedores

Inclui multas, juros e demais obrigações contratuais usando o regime de competência que diz que as obrigações devem ser quitadas no período em ocorrem. Exemplo: uma obrigação de março de um determinado ano deve ser quitada nesse mesmo período.

Instituições financeiras – exemplo bancos

Saldo devedores, financiamento e empréstimos retirados.

O que é passivo não circulante?

De acordo com a mais novas determinações da Lei 11.638/2007 – lei que modificou a lei das S.A – foi criado uma conta chamada de passivo não circulante.

O que são essas contas? Veja abaixo um exemplo de como fica o Balanço Patrimonial com a mudança:

Antes da nova leiDepois da nova lei
Ativo CirculanteAtivo Circulante
Realizável a LPAtivo não circulante
Ativo PermanenteRealizável a LP
InvestimentoInvestimento
ImobilizadoImobilizado
DiferidoIntangível
Passivo CirculanteDiferido
Passivo Exigível LPPassivo Circulante
Reserva de Exercícios FuturosPassivo não Circulante
Patrimônio LíquidoExigível a LP
Capital socialResultados de exercícios futuros
Reserva de capitalPatrimônio Líquido
Reserva de reavaliaçãoCapital social
Lucros ou Prejuízos acumuladosReserva de capital
Reservas de lucros
Ajuste de avaliação patrimonial
Ações em tesouraria
Prejuízos acumulados

Assim, desta forma, o passivo não circulante passou a ter o exigível a LP e resultados de exercícios futuros.

Por que houve essa mudança no Balanço Patrimonial?

Para melhorarmos em termos de demonstrações contábeis e nos adequarmos aos padrões internacionais. Desta forma, fica inclusive mais fácil para os investidores fazerem uma comparação entre empresas.

Entretanto, o passivo circulante continua o mesmo sendo suas contas as especificadas acima.

Se você é investidor, você tem que observar a quantidade de passivo circulante, já que a empresa terá que ter condições de pagamento das suas obrigações de curto prazo.

Se uma empresa mostra já no balanço que está apertada para pagar obrigações de curto prazo, quem dirá as demais obrigações e isso é um aspecto negativo a ser considerado.

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais.

Avalie este post