Última modificação em 7 de outubro de 2020

O que é middle market?

Middle market ou empresas de médio porte constituem um segmento bastante representativo da economia brasileira. Elas não dispõem de um grande fluxo de capital e, por não se enquadrarem como grandes empresas e nem como micro empresas, enfrentam desafios únicos e diferentes de outras organizações do mercado. 

Vale observar, no entanto, que empresas de middle market contam com boas oportunidades de crescimento, o que as tornam uma força motriz da economia, mesmo que algumas organizações bastante representativas dentro do setor sejam pouco conhecidas do grande público. 


Qual o faturamento de uma empresa de middle market?

O Middle market engloba todas as empresas classificadas como de médio porte.

Tradicionalmente, a classificação do porte de uma empresa é feita quando se verifica as receitas anuais. Segundo o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social — BNDES — as organizações de médio porte são aquelas com faturamento anual estimado entre R$ 4,8 milhões e R$ 300 milhões.

No entanto, algumas entidades classificam o tamanho de uma organização ao analisar o seu patrimônio e o número de funcionários. O IBGE, por exemplo, classifica como de médio porte as indústrias que empregam entre 100 e 499 funcionários e as empresas do setor de serviços ou comércio que contam com 50 a 99 colaboradores.

Qual é o panorama das empresas de médio porte no Brasil?

A maioria das empresas de médio porte operam no setor de serviços, o que inclui cuidados com a saúde, beleza, transporte,  educação e serviços empresariais. No entanto, um grande número de empresas de middle market operam no setor varejista ou desenvolvem atividades ligadas a construção civil e a produção industrial.

Isso significa que o setor tem um papel fundamental na economia brasileira, uma vez que é responsável por grande parte dos postos de trabalho classificados como de baixa qualificação.

De fato, esse é um setor crítico da economia e um importante motor de criação de empregos, respondendo pela maioria dos novos empregos no país desde 2008. Segundo a MSI Marketing, o Brasil conta com 300 mil empresas do middle market que faturam cerca de R$ 800 milhões e empregam mais de 3,5  milhões de funcionários.

Vale destacar ainda que muitas empresas do setor têm forte presença em uma determinada região ou município, na qual costuma ser a principal empregadora e a grande responsável por movimentar a economia local.

Vale a pena investir nas empresas do setor?

Diferente do que ocorre com as grandes empresas de capital aberto, que são conhecidas em todo o país, as empresas de middle market são discretas, sendo que geralmente seus produtos e serviços são conhecidos apenas pelos seus clientes. 

Além disso, não há uma definição exata sobre o que é middle market. Enquanto muitas vezes é fácil buscar informações sobre as grandes empresas, pode ser bastante frustrante encontrar dados sobre as organizações de médio porte, o que faz com que os interesses do setor sejam pouco representados. 

As empresas de médio porte também têm certa dificuldade em captar recursos do governo. Uma vez que a sua receita é significativamente maior do que a das micro e pequenas empresas, essas organizações acabam excluídas dos programas de financiamento e dos incentivos empresariais promovidos pelo governo. 

No entanto, embora essas empresas precisem captar recursos para se manterem competitivas e expandir suas atividades são consideradas pequenas para abrir o seu capital, captar investimentos privados e emitir títulos. 

Por isso, muitas vezes essas empresas têm que recorrer aos empréstimos e financiamentos bancários, o que fez com que muitas agências bancárias se dediquem unicamente a atender aos empresários do setor. 

Descomplicando a Bolsa de Valores

Termo do dia

Ágio

O que é o ágio? Ágio é um termo utilizado no mercado financeiro para designar a diferença entre o valor de mercado de um produto e…

Veja outros termos