Open Nav Logo Mais Retorno

LCI – Letra de Crédito Imobiliário

O que é a LCI?

LCI, é a sigla de “Letra de Crédito Imobiliário” que se refere a uma aplicação da renda fixa emitida pelos bancos privados para financiar o setor imobiliário.

Este tipo de investimento é coberto pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito), garantindo a segurança dos seus investimentos para aplicações de até R$250 mil por CPF e conglomerado financeiro.

Então se o investidor realizar uma aplicação abaixo dessa quantia, ele não precisará ficar preocupado com a perda do dinheiro. Dessa forma, o FCG minimiza os riscos e torna a LCI um investimento mais interessante, tanto para o investidor quanto para as instituições financeiras.

Além disso, a aplicação inicial da LCI varia de acordo com cada corretora. Mas, na maioria das vezes, você consegue investir na Letra de Crédito Imobiliário à partir de R$ 1 mil.


Como funciona a LCI?

A LCI funciona de uma forma simples e prática, portanto quem tem interesse em investir nesses títulos não precisa passar por nenhum processo complexo.

Basicamente, o investidor só precisará de uma conta aberta em um banco ou corretora para realizar uma aplicação em LCI, levando em consideração o valor mínimo.

A data de vencimento do LCI será definida no dia da compra do título, permitindo que você já tenha uma previsão de quando poderá resgatar seu dinheiro e o rendimento.

Vale ressaltar que após realizar a compra de uma LCI, haverá um período de carência - que varia de banco para banco - para que você possa realizar o resgate. Por isso, a LCI não é recomendada para investimentos de curto prazo ou para sua reserva de emergência.

Também é possível escolher entre os títulos prefixados e pós-fixados.

Na primeira opção o seu rendimento irá conter uma taxa de juros fixa, ou seja, você saberá o quanto renderá a sua aplicação financeira do momento da compra até a data de vencimento.

Já na segunda alternativa, o rendimento do título dependerá do seu indexadores, que são as taxas utilizadas como base para calcular a rentabilidade do investimento, como por exemplo a SELIC, o CDI e o IPCA.

Entretanto, embora a rentabilidade varie de acordo com cada tipo de LCI, este investimento possui uma dos retornos mais atrativos dentre as alternativas de renda fixa. Por isso, é tão procurada por investidores mais conservadores.

Como investir na LCI?

O primeiro passo para investir em LCIs, é decidir entre aplicar o valor por meio dos bancos privados ou pelas corretores.

Geralmente a aplicação direta pelos bancos privados não é uma alternativa tão vantajosa, afinal eles oferecem títulos que não possuam uma rentabilidade tão boa quanto as corretoras.

Com uma conta aberta para realizar seu investimento, seja em uma corretora ou em um banco, basta transferir seus recursos e solicitar a compra da sua LCI.

Essa compra pode ser feita diretamente pelas plataformas online das instituições financeiras (como o internet banking e o home broker) ou via mesa de operações (solicitando a seu gerente de conta ou assessor de investimentos).

Para saber mais detalhes sobre as LCIs e entender quando vale ou não a pena investir nelas, confira nosso texto completo aqui no Mais Retorno.

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais.

Nos ajude a melhorar o conteúdo desse texto! Envie um complemento ou correção por aqui para deixar esse conteúdo ainda melhor. Seu nome pode ser citado como revisor desse conteúdo com a sua permissão! ;)

Envie sua sugestão


Conheça também os termos relacionados