Última modificação em 13 de dezembro de 2019

O que é incubadora de empresas?

Em uma maternidade, a incubadora tem a função de dar todo o suporte e meios que estimulem um bebê a sobreviver, se fortalecer e crescer. Sob este mesmo conceito é que funcionam as incubadoras de empresas: estimular o empreendedorismo oferecendo estrutura, tecnologia, treinamento e apoio à inovação.

Sim, ter um fator de inovação no produto ou serviço de uma micro ou pequena empresa é fator-chave. As incubadoras dispõem do ambiente apropriado para fazer uma empresa se desenvolver nos estágios iniciais e ganhar fôlego para crescer no mercado.

Estas instituições ainda funcionam como uma ponte entre a pesquisa e sua aplicação na solução do produto ou serviço de um negócio.

Como Investir nos Melhores Fundos

Para que serve uma incubadora de empresas?

 

Lembrando o conceito de uma incubadora na maternidade, uma startup ou pequena empresa passa a ser acompanhada desde as fases iniciais de vida. Esse apoio vai desde o planejamento do negócio à implementação dele.

A incubadora atende às necessidades essenciais do negócio em variados aspectos, entre eles:

Diferença entre incubadora e aceleradora

Uma incubadora se diferencia de uma aceleradora de startups porque atende empresas em diferentes estágios. Ela oferece suporte desde a fase de ideação ao início da validação. Já as aceleradoras atendem startups em crescimento ou validação do modelo de negócio.

Como funciona uma incubadora de empresas?

Uma empresa pode ser uma incubada residente, em que utiliza o espaço dentro da incubadora. Ou, pode ser incubada não residente, pois tem sua sede própria, mas conta com o apoio de uma instituição.

Já a empresa graduada é aquela que recebeu a assessoria de uma incubadora, mas já está em condições de atuar de maneira independente. Nessa fase, ela pode continuar associada à instituição, mas desfrutar mais do espaço físico.

Na prática, a estrutura possibilita que a empresa trabalhe com mais dedicação ao seu próprio desenvolvimento. O ambiente de uma incubadora pode oferecer:

A maior parte das incubadoras estão associadas a universidades públicas e privadas, mas também pode ser criada por iniciativa de empresas.

Tipos de incubadoras de empresas

As incubadoras podem trabalhar com segmentos específicos e, por isso, podem se dividir em alguns tipos:

Quem pode utilizar as incubadoras?

Para dar esse passo de impulsionar o próprio negócio, o empreendedor precisa atender a alguns critérios para sua proposta ser incubada. Além da ideia ser inovadora, ela deve ser viável, do ponto de vista econômico e financeiro, e ter qualidade técnica para ser desenvolvida.

Da mesma forma, é necessário que o empreendedor tenha recursos essenciais para começar a trabalhar. As incubadoras atendem a micro e pequenas empresas e até empresas estabelecidas, mas que querem criar algo inovador.

Para ser escolhido por uma incubadora, o empreendedor deve se informar sobre o processo seletivo. O período de incubação pode durar cerca de três anos, em média, mas pode variar conforme o perfil do negócio e seu ciclo de desenvolvimento.

Como Investir nos Melhores Fundos

Termo do dia

Ágio

O que é o ágio? Ágio é um termo utilizado no mercado financeiro para designar a diferença entre o valor de mercado de um produto e…

Veja outros termos