Open Nav Logo Mais Retorno

Ilusão de Transparência

O que é a ilusão de transparência?

Ilusão de transparência é o nome dado a um tipo de efeito psicológico segundo o qual nós, seres humanos, temos a tendência de superestimar quão claro é o nosso mundo interior (pensamentos, emoções, sentimentos etc.) para as diferentes pessoas que vivem à nossa volta.

A ilusão de transparência é um viés cognitivo, isto é, uma falha na forma como o cérebro processa e armazena as informações do mundo ao seu redor, que tem como característica principal a sua aparência de veracidade. O viés, portanto, se baseia em paralogismos, que além de uma palavra enorme e esquisita, serve para designar todas as mentiras que PARECEM verdade. 

E como a ilusão de transparência pode parecer verdade? Como acreditamos piamente que a forma como pensamos e/ou nos sentimos está estampada em nossa cara, quando na verdade ninguém nota qualquer diferença? A resposta pode estar em uma das maiores vantagens humanas: a linguagem corporal. 


Como a ilusão de transparência funciona?

Muito antes de desenvolvemos a linguagem (primeiramente falada e depois escrita), o uso do corpo, a expressão facial e a vocalização primitiva eram nossos principais meios de comunicação com outros membros de nossa comunidade. Isso significa que, enquanto ainda estávamos no "nível básico" da linguagem verbal, já éramos pós-graduados em linguagem não-verbal.

É por isso que quando estamos apaixonados, não conseguimos tirar a "cara de bobo" do rosto, mesmo que não digamos uma só palavra sobre nossos sentimentos. Ou quando alguém nos diz obrigado(a) com um tom de voz diferente, não nos sentimos agradecidos, mas sim ofendidos ou desconfiados. 

Mais do que isso, é por conta disso que nos tornamos tão bons em decifrar os outros. Se um sorriso é dado de forma que não implique em uma resposta simétrica das duas metades do rosto, já ligamos nosso sinal de alerta: é um sorriso "falso", por conveniência ou ironia. Algo tão pequeno e cujo funcionamento é tão desconhecido no dia a dia nos dá a falsa sensação de que podemos ler qualquer um, o tempo todo.

Pior, guiados pelo efeito holofote, acreditamos que qualquer um possa nos ler. Não pensamos "o meu sorriso não foi simétrico, como ele(a) pôde não perceber que estou chateado(a) pelo que jeito que ele(a) me tratou?", mas nos sentimos incompreendidos. Como se o cérebro da outra pessoa fosse um computador preciso e perfeito, ele deveria fornecer a ela um laudo completo de nosso estado interno atual - a famosa "bola de cristal".

Como a ilusão de transparência afeta o seu cotidiano?

Um dos ambientes mais permeados pela ilusão de transparência é o ambiente de trabalho.

Um líder que para atrás da mesa de um subordinado, olhando atentamente tudo o que ele faz, pode acreditar que está passando a mensagem clara de estar apenas interessado no que (e como) ele produz, que há algo fascinante ali etc. Contudo, esse mesmo funcionário pode interpretar a postura como vigilância, como se o seu próprio chefe não confiasse na sua capacidade a ponto de precisar patrulhá-lo.

Se isso se repete, imagine o clima organizacional como fica.

Com o tempo, a equipe pode se sentir tão ansiosa e pressionada que o desempenho de todos ali vai por água abaixo. Tudo porque um líder não soube expressar as suas intenções, acreditando já ser muito transparente. Em larga escala, toda uma cadeia hierárquica pode ser atingida por esse comportamento. 

Além de prejuízo financeiro, pense nas diferentes formas que a ilusão de transparência pode impactar a sua vida. Na dúvida, fale. Você pode não ser um pós-graduado nessa prática, ainda, mas pode ser o melhor (e mais assertivo) aluno do jardim de infância. 

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais.

Nos ajude a melhorar o conteúdo desse texto! Envie um complemento ou correção por aqui para deixar esse conteúdo ainda melhor. Seu nome pode ser citado como revisor desse conteúdo com a sua permissão! ;)

Envie sua sugestão


Conheça também os termos relacionados