Open Nav

Hard Closing

O que é Hard Closing

O termo "hard closing", ou "hard close", pode ser utilizado em mais de um sentido. Três possibilidades para definir esse termo são no universo dos fundos de investimento, no universo da contabilidade e no universo das vendas.


Hard Closing em fundos de investimento

 

No universo dos fundos de investimento, alguns fundos são chamados de "fechados", ou "closed", em inglês. Um closed fund é aquele que não aceita mais novos investidores.

Existem, então, dois tipos de closed funds: os que adotam "soft close" e os que adotam "hard close". Fundos hard close não permitem nem mesmo que os investidores que já tem cotas comprem novas cotas. Ou seja, não aceitam mais novos investidores e nem a ampliação da participação dos investidores que já participam.

Para que seja possível adotar o hard close, o fundo deve ter previsões em sua documentação que permitam passar algum tempo (pode ser um tempo definido ou indefinido) sem emissão de novas cotas.

Motivos para o hard close nos fundos

Adotar um hard close pode parecer contra-intuitivo, já que barrar a entrada de investimentos significa limitar o capital disponível para compra e manutenção de ativos.

O principal motivo para um fundo decidir fechar as portas para qualquer novo investimento, mesmo de quem já possui cotas – adotando, assim, um hard close – é que o tamanho do fundo está ameaçando sua estratégia. Alguns fundos adotam estratégias em que o controle sobre o volume de capital é importante para obter bons resultados de lucratividade.

Além disso, um volume muito grande de capital pode tornar a tarefa do gestor do fundo mais complexa e prejudicar seu desempenho. Vale a pena ressaltar, também, que se o fundo cresce ele ganha mais atenção do mercado, que pode ver seus movimentos e passar a apostar contra ele. Isso também dificulta o trabalho do gestor.

Para completar, quando um fundo não adota o hard close, ele tem que se adequar ao movimento de ida e vinda de investidores. Quando muitos investidores entram, o capital aumenta e é possível comprar mais ativos; porém, quando muitos investidores saem, o capital diminui e é preciso vender alguns ativos importantes para o fundo. Com o hard close, é possível evitar essa flutuação.

Hard Closing em contabilidade

No universo da contabilidade, Hard Closing é uma das alternativas adotadas para evitar mudanças nos registros contábeis de um período e manter a integridade das contas.

No hard close, depois de transcorrido um certo tempo, a empresa faz a auditoria e fecha as contas do período, indicando que todas as transações foram contabilizadas e mais nenhuma atividade financeira pode ser registrada.

Se uma nota fiscal chegar um dia depois das contas terem sido fechadas, por exemplo, e a empresa adota a abordagem hard close, essa nota deverá ser incluída na contabilidade do mês corrente, que ainda está em aberto.

Realizar um hard close é necessário porque a empresa, dessa forma, consegue chegar a relatórios e demonstrativos mais precisos sobre o período.

Se as contas estão sempre sofrendo alterações, mesmo semanas depois do período ter se encerrado, nenhuma informação vai ser 100% confiável, já que ela poderá mudar logo em seguida. Essa precisão nas informações do fechamento hard close, além de ser útil para os processos gerenciais internos, também é importante para fins legais e fiscais.

Hard Closing em vendas

No universo das vendas, Hard Closing são as técnicas mais diretas, que envolvem dizer que o cliente deve comprar aqui e agora. Um exemplo é quando o vendedor afirma que só vai poder oferecer determinado preço hoje e, portanto, o cliente precisa fechar negócio imediatamente. Essas técnicas são consideradas menos eficientes e mais difíceis de aplicar com sucesso.

 

Descomplicando a Bolsa de Valores

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais.

Nos ajude a melhorar o conteúdo desse texto! Envie um complemento ou correção por aqui para deixar esse conteúdo ainda melhor. Seu nome pode ser citado como revisor desse conteúdo com a sua permissão! ;)

Envie sua sugestão


Conheça também os termos relacionados