Última modificação em 8 de outubro de 2020

O que é Contabilidade Social?

Contabilidade Social é uma subárea da ciência contábil que tem como objetivo mensurar os principais agregados macroeconômicos - isto é, os principais conjuntos de grandezas e variáveis definidos pela macroeconomia.

Colocando em outras palavras, a contabilidade social é a disciplina que permite aplicar os conceitos da macroeconomia com números, para analisar, no caso concreto, se um determinado país está apresentando crescimento ou contração econômica


Entendendo a Contabilidade Social

Em economia e, particularmente, em macroeconomia, fala-se muito sobre conceitos como PIB, balança comercial, taxa de desemprego. No entanto, esses conceitos são abordados no plano da teoria.

Para que seja possível aplicar esses conceitos em um caso concreto e avaliar se a economia de um país, considerando todos esses fatores, está em crescimento ou contração, é preciso de números. Quem faz esse trabalho com os números é a contabilidade social.

Qual é a diferença entre Contabilidade Social e Contabilidade Empresarial?

Não devemos confundir a contabilidade social e a empresarial. Enquanto ambas são subáreas das ciências contábeis, elas têm objetos e objetivos diferentes.

Conforme já vimos, o objeto da contabilidade social é a economia de um país (ou de uma região) e seu objetivo é determinar o estado desse objeto, como ele está progredindo ou não.

Enquanto isso, o objeto da contabilidade empresarial são as finanças de uma empresa e o seu objetivo é determinar se ela está tendo resultados positivos (lucros) ou negativos (prejuízos), o que é feito mensurando suas várias contas de ativos e passivos.

Como é desenvolvida a Contabilidade Social?

A contabilidade social é desenvolvida aplicando o mesmo princípio utilizado na empresarial: apurando receitas e despesas. A diferença não está no princípio, mas no seu alcance, que é muito mais amplo.

Regras e procedimentos básicos, como a dupla partida – isto é, a contabilização de cada transação na forma de um débito e um crédito – também são largamente aplicados na contabilidade social.

A contabilidade social, além de contabilizar sistematicamente os valores, também produz indicadores importantes a partir deles - como indicadores de desenvolvimento, de distribuição de renda e de qualidade de vida.

Qual é a importância da Contabilidade Social?

Em primeiro lugar, a contabilidade social permite ir além da questão puramente financeira, para entender melhor o impacto social do que acontece na economia de um país. Ela ajuda a fazer a ponte entre calcular o PIB e entender o problema da desigualdade de renda, por exemplo.

Assim, as informações fornecidas aqui são essenciais para a tomada de decisões dentro do governo. Elas servem de base para determinar quando, quanto e como deve-se intervir.

Além disso, elas também podem ser utilizadas por empresas, especialmente pelas grandes multinacionais, que precisam considerar as condições econômicas de cada país onde elas têm, ou pretendem ter, bases de atuação.

Qual é a relação entre Contabilidade Social e Fluxo Circular de Renda?

Dentro da contabilidade social, o conceito mais fundamental é o do fluxo circular de renda. De fato, todo curso a seu respeito começa apresentando esse conceito.

O fluxo circular de renda é o movimento geral das trocas que ocorrem na economia de um país. De maneira simplificada, existem dois mercados: o de bens e o de fatores de produção. Em ambos, as trocas ocorrem em um ciclo entre produtores e famílias.

No mercado de bens, os produtores vendem produtos e serviços para as famílias, que pagam por esses bens, gerando receita de vendas para os produtores. No mercado de fatores de produção, as famílias vendem sua força de trabalho para os produtores, que remuneram essa força de trabalho, pagando salários às famílias.

Esse conceito básico do fluxo torna-se mais complexo à medida em que são acrescentados outros elementos, como a intervenção do governo e as trocas com o exterior (exportações e importações).

Descomplicando a Bolsa de Valores

Termo do dia

Fundo Fechado

O que é um fundo fechado? No universo dos fundos de investimentos existem diferentes tipos de classificação como renda fixa, imobiliários, multimercados e cambiais, por exemplo. Essa,…

Veja outros termos