Open Nav

Comprado

O que é Comprado?

Comprado, ou Operar Comprado, é o termo usado para uma posição em que o investidor aposta na alta de valor de um ativo e se prepara para lucrar com essa alta. Operar comprado é a forma mais comum de investimento, com a qual mesmo as pessoas que são iniciantes no mercado financeiro estão mais familiarizadas.


Entendendo a posição Comprado

Quando você está em posição de Comprado em um certo ativo, significa que você literalmente comprou esse ativo e ele está em sua carteira de investimentos. Na posição de Comprado, você aguarda o ativo valorizar para, então, vendê-lo. Como o preço na venda é maior do que na compra, seu lucro é essa diferença.

Para entender melhor, vamos trabalhar com um exemplo. Suponha que a empresa XYZ Medicamentos negocia ações na bolsa de valores. O investidor observa essas ações e percebe que, hoje, elas estão sendo vendidas por R$15; porém, existem sinais que apontam que ela pode se valorizar no futuro.

Então, o investidor compra 1000 ações da XYZ Medicamentos, desembolsando R$15 mil. Essa é a posição de comprado. Um mês depois, as ações passam ao preço de R$25, e o investidor vende todas elas, recebendo R$25 mil. Nessa operação (na qual ele operou comprado), houve, então, lucro de R$10 mil.

Como investir com a posição de Comprado

Para investir com a posição de Comprado, você precisa de, basicamente, duas coisas: recursos para a compra imediata de ativos e conhecimentos para realizar a análise desses ativos.

Em relação aos recursos, apesar do nosso exemplo trazer valores na casa dos milhares de reais, não é preciso tanto dinheiro. É claro que, quanto mais você investe na compra, mais pode lucrar na venda. Porém, com apenas R$100 ou até menos, já é possível começar a operar.

Em relação aos conhecimentos, é preciso saber analisar o cenário socioeconômico e os ativos financeiros para identificar as tendências de alta. Existem diferentes modelos de análises que podem ser realizadas, sendo que as principais são a fundamentalista e a técnica.

O pior cenário para um investidor que está em posição de comprado é quando o ativo em que ele apostou, em vez de valorizar, começa a sofrer quedas. Nesse caso, ele tem duas saídas: vender rapidamente, esperando minimizar as perdas, ou segurar a posição de comprado, esperando que o ativo volte a se valorizar no futuro. O risco de cair nesse cenário sempre existe, mas certamente é maior quando o investidor erra na análise.

Atualmente, não é preciso ser um especialista para analisar se um ativo está em tendência de alta ou de queda, e decidir se é hora de assumir uma posição de comprado. É possível contar com análises de especialistas, que respondem a essas questões e ajudam o investidor a determinar a melhor forma de alocar seus recursos.

Comprado x Vendido

Enquanto a posição de comprado é aquela em que você compra o ativo e deixa na sua carteira até valorizar, a posição de vendido é aquela em que você vende o ativo e espera ele desvalorizar para recomprá-lo. Em ambos os casos, o lucro do investidor vem da diferença entre o preço de compra e o preço de venda, porém, as lógicas de investimento são diferentes.

É interessante notar que, para operar vendido, você pode não precisar de recursos imediatos. Alguns investidores "alugam" o ativo e vendem esse ativo alugado. Depois, quando ele se desvaloriza, compram de volta. Com uma parte do lucro, eles pagam o aluguel do ativo, e o restante é embolsado.

Embora seja uma operação mais complexa, ela permite investir sem precisar colocar recursos próprios, a princípio. Essa é uma diferença importante em relação a operar comprado.

Como Investir nos Melhores Fundos

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais.

Nos ajude a melhorar o conteúdo desse texto! Envie um complemento ou correção por aqui para deixar esse conteúdo ainda melhor. Seu nome pode ser citado como revisor desse conteúdo com a sua permissão! ;)

Envie sua sugestão


Conheça também os termos relacionados