O que é Carteira Administrada?

Já imaginou ter todo seu portfólio de investimentos administrado por alguém além de si mesmo, como uma instituição financeira, por exemplo? Pois bem, carteira administrada se trata disso!

Quando você começa a entender um pouco mais sobre esse aspecto do mercado financeiro e, consequentemente, busca aplicar seu dinheiro de maneira mais assertiva, pode desenvolver uma carteira de investimentos sem muitas dificuldades.

Essa "carteira" representa o acoplamento das aplicações que você possui de maneira simultânea, seja em ativos de renda fixa ou variável.


Como funciona a Carteira Administrada?

Ao contratar o serviço de alguma instituição financeira especializada em gestão de carteiras, você deposita toda sua confiança na administração dos profissionais responsáveis por esse segmento.

Esses gestores, por sua vez, terão a responsabilidade de realizar toda e qualquer espécie de movimentação financeira, desde aplicações até possíveis resgates, em nome do cliente.

Os tipos de investimentos que compõe a carteira também serão determinados por esse profissional, pois, acima de tudo, ele possui a responsabilidade de entender o perfil do cliente e distribuir os investimentos de acordo com cada objetivo específico!

Aliás, você já ouviu falar em suitability? Temos um artigo especifico sobre esse assunto, e você pode ficar a vontade para dar uma olhada posteriormente!

De maneira resumida, suitability representa um tipo de ferramenta utilizada por gestores de carteira administrada, a fim de obterem uma melhor definição sobre os perfis de cada cliente.

Isso acontece através de um questionário, aplicado diretamente entre consultor e investidor. As perguntas costumam ser sobre os objetivos, situação financeira atual, nível de conhecimento, preferência quanto ao horizonte de investimento, postura frente aos riscos, entre muitas coisas.

Com isso, o gestor consegue chegar a uma definição de perfil: conservador, moderado, arrojado e agressivo. Uma vez que haja essa definição, saberá exatamente como administrar a carteira do investidor.

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM), inclusive, determinou na Instrução Nº 539/2013, o seguinte artigo sobre a obrigatoriedade de tais abrangências:

Art. 1º - As pessoas habilitadas a atuar como integrantes do sistema de distribuição e os consultores de valores mobiliários não podem recomendar produtos, realizar operações ou prestar serviços sem que verifiquem sua adequação ao perfil do cliente.

Além disso, na mesma instrução também há um artigo que cita, especificamente, quais são as obrigações a serem cumpridas pela instituição financeira contratada. Veja:

  1. Estabelecer regras e procedimentos escritos, bem como controles internos passíveis de verificação;
  2. Adotar políticas internas específicas relacionadas à recomendação de produtos complexos;
  3. Indicar um diretor estatutário responsável pelo cumprimento das normas estabelecidas por esta instrução. 

Qual a vantagem em possuir uma Carteira Administrada?

A principal vantagem de possuir uma carteira administrada está, certamente, na comodidade proporcionada ao investidor. 

Você simplesmente entra com o dinheiro, enquanto a instituição financeira faz todo o trabalho de distribuição entre o portfólio de fundos! Parece ótimo, não é?

Esse recurso é recomendado para pessoas que não possuem tanta informação sobre o mercado financeiro, a ponto de entender a diferença entre os possíveis fundos de investimento e seus benefícios, mas que ainda assim gostariam de aplicar sua renda.

Qual a desvantagem em possuir uma Carteira Administrada?

Por mais agradável que seja, todo serviço tem um preço. Portanto, pegar uma determinada instituição financeira deve ser uma ação considerada nas planilhas de gastos mensais.

Muitas pessoas que gostam do assunto, decidem estudar e se aprofundar sobre o mercado financeiro, a fim de não terem sua carteira administrada por ninguém mais além de si mesmas.

Perceba que não há uma alterativa certa ou errada. Contratar o serviço de um gestor especialista, ou não, deve ser uma decisão tomada de acordo com a realidade pessoal de cada um.

Tudo vai depender do nível de conhecimento sobre fundos de investimento, tempo para estudo, habilidade, gosto pelo mercado financeiro, reconhecimento dos próprios objetivos e perfis... Enfim, uma série de elementos.

Como Investir nos Melhores Fundos

Termo do dia

Backtest

O que é Backtest? Também chamado de backtesting, o backtest é um tipo de teste que se faz usando dados históricos relevantes, a fim de prever…