Última modificação em 9 de setembro de 2019

O que é um Banco Múltiplo?

Por definição, o Banco Múltiplo é uma instituição financeira de domínio público ou privado que oferece a prestação de três tipos de operações diferentes: as ativas, as passivas e as acessórias.

Apesar de parecerem operações estranhas, elas exprimem transações muito comuns do nosso dia, como os depósitos em nossas contas bancárias, os empréstimos que eventualmente solicitamos e as trocas de moedas ao viajarmos, por exemplo. Todas essas atividades podem ser desenvolvidas por bancos múltiplos, visto que eles agregam os serviços de diversos bancos em suas estruturas.

Afinal de contas, não são somente os bancos comerciais que podem abrigar a sua conta-corrente ou bancos de investimentos que podem te auxiliar nos investimentos. Como veremos adiante, os bancos múltiplos podem fazer tudo isso.


Como um Banco Múltiplo funciona?

Para ser categorizada como Banco Múltiplo, é preciso que a instituição seja constituída sob Sociedade Anônima (S/A) e conste em sua denominação o termo “banco”.

No entanto, essas questões estão longe de definir exatamente o que um banco múltiplo verdadeiramente é.

Como o seu próprio nome indica, o banco múltiplo oferece uma gama enorme de produtos, mesclando as propriedades de dois ou mais bancos diferentes.

Isso quer dizer que se apenas os bancos comerciais podem ter contas-poupança, por exemplo, e apenas os bancos de crédito imobiliário podem financiar imóveis, um banco múltiplo que combine esses dois tipos legalmente também poderá oferecer esses dois serviços ao público.

De modo geral, as combinações possíveis são:

Especialmente no caso das instituições públicas, é possível ainda compor carteiras de arrendamento mercantil e de crédito.

De qualquer forma, é obrigatório que os bancos múltiplos sejam compostos por, no mínimo, dois tipos de bancos e que ao menos um desses tipos seja, necessariamente, comercial ou de investimentos. Porém, o balanço deve ser unificado, para trabalhar de maneira clara com os investidores.

No caso dos investidores, existe vantagem especialmente quando essa última categoria compõe um banco múltiplo, visto que bancos de investimentos têm por natureza diversos serviços focados nesse grupo.

Além da facilidade e comodidade oferecida nas aplicações, é possível contar com a colaboração de agentes bancários, através do atendimento, que auxiliam não somente nas aplicações como na gestão do patrimônio como um todo.

Aqui no Mais Retorno temos um artigo completo sobre como os bancos de investimentos podem servir você. Clique aqui e leia!

O que são operações ativas, passivas e acessórias?

Como dito anteriormente, as operações realizadas pelos bancos são divididas em 3 categorias: passivas, ativas e acessórias. Veja um pouco mais sobre cada uma delas:

Seguindo essa configuração, os bancos múltiplos lucram tanto com o spread bancário, quanto com as taxas cobradas pelo oferecimento de serviços personalizados, como as assessorias citadas no tópico anterior.

Cientes disso, os fundadores do banco podem traçar estratégias para escolher os modelos de monetização do negócio (e consequentemente tipos de bancos) que mais combinam com os seus planos.

Quais são os principais Bancos Múltiplos do Brasil?

Entre as instituições públicas, os maiores populares são:

Já entre as instituições privadas, pode-se citar as marcas:

Descomplicando a Bolsa de Valores

Termo do dia

Alavancagem

O que é Alavancagem? Alavancagem é um termo utilizado no mercado financeiro para nomear operações que utilizam recursos sem estarem cobertas, ou seja, é uma forma…

Veja outros termos