Open Nav Logo Mais Retorno

[INFOGRÁFICO] Como o Come-Cotas afeta o retorno dos seus investimentos

Por:
29/05/2017
[INFOGRÁFICO] Como o Come-Cotas afeta o retorno dos seus investimentos
5 (100%) 22 voto[s]

Você sabia que a cada 6 meses a receita federal passa recolhendo boa parte dos lucros dos investidores de fundos, mesmo antes de realizar qualquer resgate das aplicações? Se não faz ideia do que estou falando, então precisa conhecer o Come-Cotas!

Já havia comentado sobre o come-cotas em maiores detalhes e inclusive recomendo que você dê uma passada por lá em seguida, caso ainda não tenha lido.

No entanto, como nessa próxima quinta-feira (30/11/17) teremos uma nova incidência desse tributo, resolvemos preparar esse infográfico com as informações mais importantes sobre o come-cotas e como ele impacta seus investimentos no longo prazo.

Se ficar com qualquer dúvida ou quiser saber mais sobre esse assunto, basta clicar na imagem para nos enviar um e-mail que responderemos muito brevemente.

Infográfico Come-Cotas

Gostou desse tipo de conteúdo?

Então inscreva-se na nossa lista de e-mails abaixo para receber em primeira mão mais infográficos e outros conteúdos como esse:

Se esse infográfico te ajudou de alguma forma, por favor compartilhe com seus amigos e faça ele chegar a mais investidores como você.

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais.

[INFOGRÁFICO] Como o Come-Cotas afeta o retorno dos seus investimentos
5 (100%) 22 voto[s]

Leia também:

Sobre o autor

  • Avatar
  • Economista e empreendedor do mercado financeiro há quase uma década, tem como objetivo compartilhar suas experiências e se conectar com outros investidores e entusiastas do mercado. Escreve regularmente como colunista em grandes portais como InfoMoney e Dinheirama.

Deixe seu comentário aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


8 Comentários

  • Avatar Dylan disse:

    Olá
    É possível verificar quanto o fundo multimercado precisa ganhar a mais para esse come cotas não influenciar?
    Por exemplo:
    Para 10 anos um investimento com 10%a.a um fundo come cotas precisa ganhar 11%a.a.;
    Pois acredito que há fundos que ganham a longo prazo muito mais que um investimento em um CDB de 5 anos com taxa alta.

    Obrigado

    Dylan

    • Olá Dylan, ótima pergunta!

      Como o come-cotas antecipa o pagamento de impostos sempre no valor de 15% do lucro do fundo, então seriam apenas esses 15% a menos de “dinheiro rendido” que você não teria para se valorizar a cada 6 meses. Lembrando que no final qualquer aplicação teria que pagar impostos no resgate.

      Nesse sentido, quanto maior o tempo que você pretender aplicar, maior vai ser o efeito do come-cotas e portanto maior vai ter que ser o rendimento do fundo pra compensar essa perda. O único jeito de saber mesmo é simulando as diferenças em uma planilha.

      Levando pra termos práticos, nesse exemplo que você deu, se o fundo rendesse somente 104,44% desse investimento (ou 10,44% a.a.) já seria o suficiente para compensar o come-cotas, o que é uma meta bem fácil para os fundos. Por outro lado, se você pensasse em investir por 20 anos, aí o fundo já teria que ter 115,44% (ou 11,54% a.a.) do resultado do investimento que você estaria comparando.

      Enfim, é um pouco chato, mas espero que tenha conseguido ajudar.

      Grande abraço e bons investimentos!

  • Avatar Carlos Carvalho disse:

    Olá Felipe,
    Você saberia dizer como escolher investimentos seguros em renda-fixa para ficar livre do come-cotas?

  • Avatar Thiago Correa disse:

    Olá Felipe, muito legal esse infográfico!! Nunca tinha visto nada do tipo sobre come cotas, obrigado por postar!

  • Avatar Alexandre disse:

    investimentos em LCI e LCA também não tem incidência de come cotas

    • Perfeito Alexandre, bem lembrado!

      Na realidade como o come-cotas se aplica apenas a fundos, o infográfico mostra alternativas de investimentos que também são de fundos.

      No entanto qualquer título como CDB, Títulos Públicos, Debêntures, entre outros como a LCI e LCA que você citou, são alternativas que podem fazer sentido em muitos casos e não sofrem incidência do come-cotas.

      Grande abraço e bons investimentos!