Mercado Financeiro

John Paulson é um dos investidores mais importantes no mercado financeiro. É fundador e ainda presidente e diretor executivo da Paulson 7 CO., empresa norte americana que atua na gestão de fundo de investimentos e cobertura. Em 2020, John Paulson fechou seu fundo Hedge para administrar apenas o dinheiro da família. 

Quem é John Paulson?

John Paulson nasceu no Queens, em Nova Iorque, em 1955. Com sua origem judaica, John Paulson é filho da psicóloga infantil Jacqueline Paulson e do empresário do setor financeiro Alfred G. Paulson. 

Ele se formou na faculdade de Administração da Universidade de Nova Iorque e foi orador da sua turma. Além disso, tem MBA na Harvard Business School, sendo um dos primeiros dessa pós-graduação. 

Em 1980, John Paulson entrou no mercado financeiro como consultor da Boston Consulting Group. Logo em seguida, ele foi contratado pela Odissey Partners, empresa de private equity. Depois, ingressou no departamento de fusões e aquisições da Bear Stearn. Em seguida, John Paulson foi trabalhar na Gruss Partners, tornando -se sócio depois. 

Sua grande virada na carreira aconteceu em 1994, quando John Paulson criou seu fundo de investimento livre (hedge fund), a Paulson & CO. 

História de John Paulson

Desde a fundação do fundo de investimento, a Paulson & CO administrou bilhões de ativos. A empresa é especializada em fusões e aquisições. John Paulson começou com 10 milhões de reais em ativos. Dez anos depois, a empresa já gerenciava R$ 1,5 bilhão. No auge, a empresa chegou a administrar mais de 150 bilhões de reais em ativos. 

O fundo hedge é um fundo livre ou de multimercado com alto grau de risco, voltado para investidores exclusivos, com poder elevado de investimento e poucas restrições. 

Maior trade da história

Durante a crise econômica mundial em 2007, que chegou a quebrar o mercado imobiliário dos Estados Unidos, John Paulson fez o inusitado. Enquanto o mundo comprava papéis, ele vendia. Muitos o chamaram de louco por apostar contra as hipotecas subprime, investindo em credit default swaps. Boa parte dos seus clientes o abandonaram, seus sócios fugiram, a concorrência se divertia com seu comportamento. Ele insistia em vender, e o mercado imobiliário teimava na valorização dos papéis. 

A bolha imobiliária norte-americana estourou, fazendo que John Paulson conquistasse aproximadamente 20 bilhões de reais em ações. Além disso, ganhou o status maior trade da história e lenda no mercado financeiro. A proeza foi tamanha que o jornalista Gregory Zucherman escreveu o livro sobre a história do investidor Paulson: The Greatest Trade Ever: The Behind-the-Scenes Story of How John Paulson Defied Wall Street and Made Financial History (sem tradução para o português).

A história da bolha imobiliária foi retratada no filme de 2016, The Big Short - A Grande Aposta, que concorreu ao Oscar do ano. 

Como John Paulson ficou rico?

Em 2010, a Paulson & CO. conquistou um novo recorde, ganhando aproximadamente 25 bilhões de reais num único ano. 

Em 2012, o fundo de John Paulson – Paulson Credit Opportunities Funds – foi eleito pela revista Barrons, especialista em mercado financeiro, como o melhor fundo hedge nos últimos 3 anos. Além desse fundo, dois outros fundos administrados por John Paulson também figuraram na lista dos 100 melhores fundos hedge dos Estados Unidos – Paulson Internacional e Paulson Advantage. 

No mesmo ano, John Paulson foi eleito uma das pessoas mais ricas do mundo pela revista Forbes, com uma fortuna estipulada em aproximadamente 80 bilhões de reais. Na história de Wall Street, John Paulson é considerado uma das pessoas com mais acúmulo de fortuna. 

Participação política

Nos últimos anos, John Paulson participou ativamente da política norte-americana, contribuindo por anos com os partidos Democrata e Republicano. Durante as eleições de 2016, John Paulson foi um dos principais assessores econômicos do ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. 

Fechamento de fundo

Nos últimos anos, John Paulson tem enfrentado dificuldades. Em 2018, sua fortuna foi avaliada em 45 bilhões de reais. Uma perda significativa. Ano passado, o investidor decidiu fechar seu fundo hedge, devolvendo dinheiro aos seus investidores. John Paulson transformou sua companhia numa empresa de investimento privado, para administrar os ativos da família. 

Atualmente, John Paulson vive em Manhattan, Nova Iorque, com sua esposa Jenny Paulson e suas duas filhas. Possui duas mansões milionárias, sendo que uma está estimada em mais de 100 milhões de reais. 

Além disso, John Paulson é um grande filantropo, contribuindo para centros médicos e de pesquisa, como: Centro Médico Southamtpon Hospital em Long Island e o Centro de Pesquisa Center for Responsible Lending. 

Imagem do autor

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mercado Financeiro
Mercado Financeiro
Mercado Financeiro
Mercado Financeiro
Veja mais Ver mais