ETF de FIIs: XFIX11 como funciona?

ETF de FIIs: XFIX11 como funciona?

Você já ouviu falar em ETF e FIIs? No vídeo de hoje nosso especialista em investimentos Felipe Vieira explica tudo sobre o tema! Vem conferir! Primeiro vamos entender o que é uma ETF: Para nós brasileiros, pode até ser que o significado da sigla não faça muito sentido: Exchange Traded Funds (ETF). Mas se pensar com calma sobre cada palavra, você já começará a ter uma ideia melhor. Exchange que significa "troca", quer dizer simplesmente que esse é um ativo que pode passar de uma pessoa para outra. Traded significa "negociado", e indica que esse ativo é comercializado via ofertas de compra e venda em um mercado (no nosso caso a bolsa de valores). E Funds são simplesmente os nossos amados fundos de investimentos que tanto falamos aqui no Mais Retorno. Juntando todas essas palavras chegamos simplesmente a fundos que são negociados entre investidores na bolsa de valores! Em outras palavras, ETF tem a mesma função que qualquer outro fundo que funciona como "um condomínio de investidores no qual o investimento é diversificado em vários ativos". A diferença é que você pode aplicar nas ETFs via bancos e corretoras na mesma plataforma que opera ações, ou seja, você compra e vende suas cotas do fundo pela bolsa e não por um sistema específico da instituição financeira que você investe. Agora vamos ao que interessa: entender o que é essa ETF de fundos imobiliários! É importante saber que a B3 passou a negociar, a partir do dia 30/11, o primeiro ETF de Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs) do Brasil. Listado com o ticker XFIX11, o produto foi desenvolvido pela XP Inc. e replica o desempenho da carteira teórica de ativos do Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários (IFIX), a principal referência de desempenho médio das cotações dos fundos imobiliários negociados na B3. O investimento mínimo é de R$ 10,00 por cota (XFIX11) É possível investir em mais de 80 FIIs em uma única cesta e acessar mais de 5 mil imóveis no brasil. E você pode investir via home broker! As cotas do ETF são negociadas na B3 de forma semelhante às ações. Porém, ao adquirir tais cotas, o investidor, indiretamente, passa a deter todos os ativos que compõem a carteira teórica do IFIX, hoje formada por 81 FIIs listados na B3. Dessa forma, o XFIX11 proporciona mais eficiência aos investidores que buscam diversificação no setor imobiliário. O XFIX11 oferece uma série vantagens aos investidores, tais como liquidez – uma vez que pode ser negociado em bolsa e pode ser comprado e vendido como se fosse uma ação – diversificação – com apenas uma transação o ETF proporciona o investimento em carteira variada de fundos – e transparência – com a divulgação diária da composição da carteira do índice e formação de preço em bolsa. A B3 também informa, a pedido do administrador do fundo, que a alíquota do imposto de renda aplicável na hipótese de alienação de cotas de fundos imobiliários é de 20% sobre o ganho líquido, cf. art. 37 da Instrução Normativa RFB nº 1.585/2015, aplicando-se, também, às negociações de cotas do XFIX11. 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *