Custos dos Fundos MULTIMERCADO: Ainda vale a pena pagar taxas 2/20?

Custos dos Fundos MULTIMERCADO: Ainda vale a pena pagar taxas 2/20?

Custos dos Fundos MULTIMERCADO: Ainda vale a pena pagar taxas 2/20?

É muito comum vermos em conteúdos sobre educação financeira que devemos avaliar com muito cuidado os custos de um investimento antes de tomar qualquer decisão.

Nesse sentido, a recomendação mais tradicional é que se escolha sempre as opções com os menores custos. No caso dos fundos de investimento, portanto, os escolhidos seriam aqueles com a menor taxa de administração e taxa de performance.

Porém, essa escolha pode não ser tão óbvia assim e como você verá, existem alguns detalhes sobre essas taxas desconhecidos pela maioria dos investidores.

No vídeo de hoje nossos especialista, Felipe Vieira conta tudo sobre as taxas cobradas nos fundos de investimentos,

Aproveite para conferir o nosso bate papo com a Luciana Seabra, sócia fundadora da casa de análises Spiti

Mas o que seria os 2/20 nos fundos multimercado?

- 2% de taxa de administração
- 20% de taxa de performance

A taxa mais comum e mais conhecida pelos investidores é a taxa de administração, apontada por muitos como a grande vilã dos resultados dos fundos.

Essa taxa representa o preço pago pelos cotistas pela prestação dos serviços do fundo. Ou seja, nesse custo já estão embutidos o pagamento do gestor, do administrador, custodiante, auditor e demais instituições ou custos implícitos da estrutura do fundo.

Apesar de ser sempre divulgada em valores anuais, Taxa de Administração é é provisionada diariamente e cobrada ao final de todo mês.

Apesar de a primeira vista essa taxa parecer ruim por ser mais um custo, por incrível que pareça ela é muito mais justa e alinhada com os seus interesses do que aparenta. Certamente essa é uma das cobranças mais honestas praticada pelo mercado financeiro.

A taxa de performance é cobrada do cotista como um prêmio ao gestor do fundo quando a sua rentabilidade supera a de seu benchmark.

Neste vídeo nosso especialista dá um contexto sobre o que vivemos na economia atual, com uma taxa selic a 2% como ficam estas taxas cobradas em fundos, principalmente da categoria multimercado?

Confira o vídeo completo!

Aproveite para conhecer a melhor comparação de fundos do Brasil e saiba como andam seus fundos de investimentos, clique aqui para acessar.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *