Open Nav Logo Mais Retorno

Window Dressing

O que é Window Dressing?

Window Dressing é mais um termo em inglês relacionado ao mercado financeiro. Ele é utilizado como referência de uma estratégia para fazer com que uma empresa aparente uma melhor situação do que ela realmente tenha em determinado momento.

Existem diferentes maneiras de execução e veremos isso adiante. Antes, vamos entender melhor a prática e os motivos dela ser utilizada.


Quando o Window Dressing é utilizado?

Por ser uma prática que visa uma melhor aparência ao mercado, essa estratégia acaba focada em momentos cujos donos e gestores precisem atrair interesse especial dos investidores.

Neste sentido, o Window Dressing é especialmente empregado em duas situações:

  • Na abertura de capital ao mercado, quando uma empresa começa a emitir suas ações (processo de IPO);
  • No momento de divulgação dos resultados de um período ao mercado (tanto por empresas, como por fundos de investimento).

Vamos agora como os donos executam suas estratégias de Window Dressing em cada um desses modelos.

Como funciona o Window Dressing na prática?

Como vimos, existem dois tipos principais de organizações que usam da técnica de Window Dressing. A seguir estão exemplos de como tudo acontece em um processo de IPO e também na divulgação de resultados por parte dos fundos de investimentos.

Como é feito o Window Dressing em um processo de IPO?

No caso de abertura do capital, uma empresa precisa passar pelo processo de IPO (Initial Public Offering). Nesta etapa, ela passa por uma avaliação para entender o seu valor de mercado. O objetivo principal é precificação da sua ação.

Nesse momento, qualquer organização tenta valorizar-se ao máximo. Quanto melhor for o resultado da análise (feita geralmente por um banco de investimentos), mais ela valerá. Pensando nisso, algumas empresas tomam ações tentando transmitir uma imagem superior à real.

A primeira delas é a antecipação de receitas. Essa prática consiste em antecipar vendas com seus clientes por meio de descontos e promoções, por exemplo.

Essa é uma ilusão de mercado, pois as receitas antecipadas não entrarão no resultado futuro e pode causar uma falsa sensação de desempenho acima da média.

O adiamento de despesas é outra forma de fazer isso, jogando pagamentos para o futuro. O resultado líquido do período será melhor, mas é outra vez uma medida enganosa — os atrasos podem representar juros e, portanto, um aumento de gastos no longo prazo.

Há ainda a possibilidade de vender ativos para gerar receita de curto prazo.

Como é feito o Window Dressing na divulgação de resultados dos fundos de investimentos?

Você já sabe como a prática acontece para IPO, mas e na divulgação de resultados? A ideia é a mesma, mas as medidas são diferentes. Especialmente nos casos de fundos de investimentos, é natural que o foco esteja na composição de carteira.

Para isso, o Window Dressing ocorre por meio da negociação dos ativos. Os gestores, em momentos oportunos, vendem papéis que estão desempenhando mal, mantendo em carteira apenas os melhores resultados. Eles podem ainda comprar outros títulos com bons resultados no período recente.

Assim, quando a carteira é declarada, os investidores olham os papéis que a compõem e podem ser iludidos quanto ao potencial retorno de colocar capital naquele fundo.

É ilegal fazer Window Dressing?

Talvez você se pergunte agora se essas práticas não são ilegais. Nada do descrito nesse texto é proibido. O que as empresas que praticam Window Dressing fazem é usar de medidas permitidas para "maquiar" os próprios resultados.

Veja, comprar e vender ações, assim como dar descontos ou adiar pagamentos, são ações normais no mercado e acontece todos os dias. O que diferencia essa estratégia é o momento e o objetivo.

Por esse motivo, embora não seja algo proibido, trata-se de algo antiético e mal visto pelo mercado.

Além disso, dificilmente um investidor experiente (que são aqueles que mais interessam às empresas pelo volume de capital que operam) vai cair em uma situação dessas. Na prática, portanto, elas contribuem muito pouco para a visão de longo prazo das organizações.

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais.

Nos ajude a melhorar o conteúdo desse texto! Envie um complemento ou correção por aqui para deixar esse conteúdo ainda melhor. Seu nome pode ser citado como revisor desse conteúdo com a sua permissão! ;)

Envie sua sugestão


Conheça também os termos relacionados