Última modificação em 25 de setembro de 2020

O que é patrocínio?

O patrocínio ocorre quando uma empresa investe em um entidade, equipe esportiva ou evento. Nesse caso, o patrocinador (ou sponsor) também oferece assistência promocional e técnica à entidade ou pessoa patrocinada.

Algumas vezes, o beneficiário pode receber algum valor monetário para divulgar os produtos e a marca do patrocinador. 

O patrocínio, no entanto, não pode ser visto como uma doação ou como uma ação de caridade. De fato, ao patrocinar uma empresa, o investidor (em geral uma empresa) deseja receber uma contrapartida pelo dinheiro investido.

Esse retorno pode ser obtido, por exemplo, por meio da divulgação da marca e do nome da empresa patrocinadora, que são exibidos junto a imagem do time patrocinado em uma partida, por exemplo.


Patrocínio: quais são os tipos?

Patrocinar um megaevento como as Olimpíadas, a Copa do Mundo ou o Rock in Rio garante que uma marca se torne reconhecida instantaneamente. Esses eventos são muito prestigiados, o que faz com que a credibilidade dos patrocinadores aumente e seu nome passe a ser mundialmente reconhecido.

No entanto, desenvolver relações próximas com a comunidade é o objetivo mais comum das empresas que desejam ter os seus produtos e serviços sempre lembrados pelos consumidores. 

Nesse caso, patrocinar um evento ou organização que ajude a comunidade onde um evento está sendo organizado ou onde a companhia funciona costuma ser uma boa estratégia de marketing. Ao fornecer computadores de baixo custo e apoiar programas comunitários das escolas, por exemplo, a marca fomentará um reputação socialmente responsável e solidária. 

Vale observar, ainda, que uma empresa pode patrocinar eventos ligados às artes ou a instituições de caridade. Nesse caso, muitos consumidores passarão a ver a marca também como socialmente responsável e solidária. 

Qualquer pessoa ou empresa pode patrocinar um atleta ou uma organização não governamental. É muito comum uma marca financiar um evento ou equipe e em troca ter o seu nome divulgado e reconhecido como apoiadora de práticas saudáveis. 

No entanto, é possível encontrar outros exemplos de patrocínio:

Patrocínio institucional

Nesse caso, a empresa patrocinada promove a marca da empresa patrocinadora. O objetivo do investidor é garantir que a sua marca ganhe destaque e seja reconhecida pelo público que participa do evento, por isso requer um forte trabalho de engajamento.

Para garantir o envolvimento do público com a marca algumas ações devem ser implementadas como divulgação personalizada de um serviço ou a degustação de produtos alimentícios em um evento ou conferência. 

Patrocínio Promocional

Além de dar visibilidade a uma marca, o patrocínio promocional visa divulgar um novo produto ou serviço do patrocinador. O objetivo, portanto, é alavancar as vendas, resultando em ganhos financeiros para o patrocinador. 

As ações de vendas incluem a distribuição de produtos a preços promocionais e condições exclusivas para serviços adquiridos por clientes que participarem do evento. Por exemplo, caso uma escola de idiomas patrocine um evento, essa empresa pode oferecer cupons de desconto exclusivos para quem deseja fazer um curso.

Patrocínio misto

Muitas vezes ocorre a junção do patrocínio institucional com o promocional, o que garante o aumento da visibilidade da marca e o aumento das vendas dos produtos e serviços oferecidos pela empresa - é o chamado patrocínio misto.

Esse modelo é capaz de atrair marcas interessadas em garantir um retorno mais rápido do dinheiro investido em uma equipe ou organização não governamental.

Embora esses sejam os tipos mais comuns de patrocínio, é possível desenvolver outros formatos para garantir o engajamento do público e aumentar as vendas de determinado produto ou serviço que será lançado por uma companhia.

Além disso, é importante avaliar as estratégias de marketing da patrocinadora, de modo a personalizar o evento para melhor atender aos seus interesses. 

Descomplicando a Bolsa de Valores

Termo do dia

Ágio

O que é o ágio? Ágio é um termo utilizado no mercado financeiro para designar a diferença entre o valor de mercado de um produto e…

Veja outros termos