O que é P/EBIT?

Em poucas palavras, o P/EBIT representa a relação entre o preço da ação e o EBIT da empresa desejada. Nesse caso, EBIT é a sigla em inglês para Earning Before Interest and Taxes, ou em português, Lucro Antes de Juros e Impostos.

Esse indicador ajuda os investidores a avaliar se ou preço de uma ação está caro ou barato. Portanto, seu propósito é bem similar ao Lucro Líquido por Ação (LPA) e o Preço por Lucro (P/L).

De qualquer forma, por meio do P/EBIT é possível identificar a razão entre o preço da ação e o lucro operacional gerado pela empresa.

Esse indicador auxilia o investidor em sua análise, pois oferece uma visão mais clara dos ganhos da empresa. Por exemplo, existem indicadores da relação preço/lucro que podem sofrer variações devido a algum evento isolado, como a venda de algum ativo da empresa.

Essa venda pode causar alterações que vão gerar uma interpretação imprecisa por parte do investidor, que pode acabar tomando uma decisão equivocada.

Como Investir nos Melhores Fundos

Como usar o P/EBIT

Ao analisar esse indicador, o investidor consegue identificar se o preço das ações da empresa está dentro do que ele espera ou não.

Se o resultado da proporção for menor do que o estimado, isso indica que o preço da ação está barato em relação ao lucro gerado. Portanto, é o momento ideal para comprar.

Já no caso onde a proporção encontrada for maior que o limite estabelecido, o preço de cada ação não está alinhado com o lucro gerado, logo, o ideal é vender.

A forma mais simples de se utilizar o P/EBIT na tomada de decisões, é comparar esse múltiplo entre diferentes empresas de um mesmo setor.

Onde utilizar o P/EBIT

Um tipo de análise que pode se aproveitar do indicador P/EBIT é a fundamentalista.

Ela é basicamente uma forma de analisar o mercado financeiro e tem como objetivo mensurar o valor intrínseco de um ativo, observando fatores econômicos, financeiros e outros pontos quantitativos e qualitativos que podem estar relacionados à ele.

Um dos grandes nomes dos adeptos dessa linha de análise é o próprio Warren Buffet, considerado o maior investidor de todos os tempos.

Quais os benefícios do P/EBIT?

Esse indicador dá ao investidor a possibilidade de excluir de seus cálculos quaisquer lucros vindos de atividades que não são o foco da empresa. Por exemplo, a Mercedes poderia lucrar alguns milhões ao vender uma de suas fábricas e isso teria um impacto direto no lucro líquido da companhia, e consequentemente, no lucro líquido por ação.

Ao utilizar o P/EBIT você se protege dessa possibilidade e pode realizar uma análise muito mais assertiva em relação a empresa analisada.

P/EBIT é a mesma coisa que EV/EBIT?

Embora os termos possam parecer semelhantes, é fundamental destacar que se tratam de dois indicadores distintos.

O P/EBIT fornece uma indicação do preço por ação baseado numa aproximação do lucro operacional da empresa.

Já o EV/EBIT fornece ao investidor a informação de quanto lucro a empresa pode gerar com a atual infraestrutura. O EV presente no indicador representa o Enterprise Value, ou seja, o valor de mercado de uma empresa.

Quais os cuidados na hora de se utilizar o P/EBIT?

Assim como qualquer outro indicador, o P/EBIT é um recorte do passado. Isso significa que ele não pode projetar o futuro. Então é sempre importante ter isso em mente na hora de tomar suas decisões se baseando nesse indicador.

Outro cuidado reside no seguinte fator: para um uso eficiente do P/EBIT o recomendado é compará-lo entre empresas do mesmo setor, caso contrário isso pode influenciar sua análise. Portanto, é inviável a comparação de bancos com empresas do setor automotivo, por exemplo.

Descomplicando a Bolsa de Valores

Termo do dia

DLPA

O que é DLPA? DLPA é uma abreviação para a Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados. Esse é mais um documento contábil bastante utilizado pelas empresas brasileiras,…