O que é NTN-D?

A Nota do Tesouro Nacional Série D, ou simplesmente NTN-D, não é um ativo muito conhecido pelo público.

A NTN-D é um título que oferece rendimentos atrelados à volatilidade do dólar americano mais uma taxa de juro prefixada e ainda realiza pagamentos semestrais.

O acesso a esse título para o grande público é restrito, sendo possível o investimento no mesmo quando o Tesouro Nacional realizar algum leilão.

Sendo assim, esse tipo de investimento de renda fixa com rentabilidade híbrida, possui aderência maior com investidores institucionais e “players” do mercado.

As taxas praticadas nas NTN-D podem variar conforme a emissão do Tesouro Nacional e o mercado em si.

Os interessados nesse título podem adquirir o mesmo em múltiplos de R$ 1.000,00. A sua amortização ocorre no vencimento por meio de um pagamento único.

Como Funciona a NTN-D?

O funcionamento da NTN-D é diferente quando a comparamos com as demais letras do Tesouro Direto.

No caso dela não há a possibilidade da “liquidez diária”. Portanto, o investidor que comprar esse título terá que vender o mesmo no mercado secundário ou simplesmente permanecer com ele até o seu vencimento.

Ao decorrer do tempo em que a letra permanecer com o investidor, os pagamentos de juros semestrais vão ocorrer dentro dos prazos pré-definidos.

O primeiro pagamento vai levar em consideração os primeiros seis meses, mesmo que a aplicação tenha ocorrido antes desse tempo. Os próximos pagamentos vão acabar ficando dentro do período correto (de 6 em 6 meses).

Por ser um título restrito ao mercado primário na emissão do Tesouro Nacional, a aquisição do mesmo é um tanto quanto limitada.

Investidores pessoas física provavelmente não conseguirão ter acesso a esses títulos.

O investimento nesses títulos pode ocorrer de forma indireta, através de fundos de investimento que mantenham posição neles.

Alguns fundos cambiais acabam mantendo posições em títulos como a NTN-D e, assim, conseguem replicar as oscilações da moeda norte-americana.

Funções da NTN-D

Uma das funções mais interessantes desses papéis é a possibilidade de conseguir replicar a volatilidade da moeda americana.

Além, é claro, de receber uma taxa de juro em cima.

A letra NTN-D é uma alternativa de investimento brasileira para os investidores estrangeiros ou para aqueles que estão no Brasil.

O posicionamento em títulos como as NTN-D pode gerar bons rendimentos a fundos do exterior.

A taxa de juros geralmente é interessante, ainda mais quando olhamos as taxas praticadas em títulos internos. Sem falar que o investidor ainda conta com correção em dólar.

Os mercados emergentes são interessantes devido à possibilidade de ganhos “fáceis” com investimentos em ativos de renda fixa.

Querendo ou não, a NTN-D possui garantia do Tesouro Nacional, sendo a proteção mais relevante que o Brasil pode oferecer.

A NTN-D é uma forma de o investidor estrangeiro aplicar seus recursos em um ativo seguro e com rentabilidade interessante. Em outras palavras, é uma forma de captar recursos no exterior.