Última modificação em 8 de dezembro de 2020

O que é MVA - Market Value Added?

O MVA - Market Value Added - ou, em Português, "Valor Adicionado de Mercado" - corresponde ao resultado da diferença entre o capital que foi investido em uma empresa e seu verdadeiro valor no mercado.

Sendo assim, podemos concluir que o cálculo do MVA aponta para a capacidade de um acionista de aumentar seu retorno ao investir em uma certa empresa. E que, portanto, esse é um cálculo muito relevante de se conhecer.

Como se calcula o MVA - Market Value Added?

Bem, o cálculo é básico. Para encontrar o valor de Market Value Added basta fazer a subtração entre o valor de mercado da empresa - incluindo patrimônio e dívidas -  e o valor do total de capital investido na companhia.

Muito mais do que apenas saber calcular, é preciso saber interpretá-lo, já que o número por si só não nos diz muito. Mas não se assuste, a análise do MVA, assim como seu cálculo, é simples!

Se o valor de mercado da empresa for positivo, então significa que a empresa teve valor agregado: seu MVA aumentou. Ao contrário, se o valor de mercado for negativo, é sinal de que a empresa perdeu valor agregado, ou seja, seu MVA diminui.

Desse modo, para que possamos considerar os resultados interessantes do ponto de vista do investidor, seu valor agregado deve ser superior ao investimento total que os acionistas seriam capazes de alocar na empresa.

É importante, ainda, destacar um outro ponto: a relação do termo em questão com o EVA - Economic Value Added.

Apesar de serem conceitos bastante parecidos e com seu cálculo idêntico, o EVA não considera o valor de mercado da empresa. Ele é calculado a partir do lucro operacional líquido, que envolve todos os impostos e o custo pelo capital investido.

Qual é a importância do MVA - Market Value Added?

Muitas vezes, quando investidores menores e menos experientes passam a fazer análises das empresas nas quais pretendem investir, levam muito mais em consideração números que estão ligados à lucratividade.

De fato, não estão errados! É importante saber qual a capacidade da companhia de converter investimentos em valor de mercado. Contudo, mesmo que o Market Value Added seja um indicador dessa capacidade, ele ainda pode nos dizer mais sobre a instituição na qual desejamos investir.

O lucro de uma empresa e seu valor de mercado estão muito relacionados com as pessoas por
trás delas. Isso significa que um resultado alto demonstra boa habilidade de gerenciamento do negócio por parte de seus responsáveis.

Assim, o MVA é um indicador importante de ser analisado pelos investidores, sejam eles mais ou menos experientes, pois ele não mostra apenas se a empresa consegue converter seus investimentos em valor de mercado, mas também indica o quão fortes são sua liderança e governança.

É suficiente analisar apenas o MVA - Market Value Added?

Em geral, aquelas empresas que conseguem, ao longo do tempo, aumentar seu MVA - ou até mesmo mantê-lo estável -  são as mais atraentes do ponto de vista do investidor.

Contudo, um fator de atenção deve ser mantido em vista:

Como sempre ouvimos e lemos quando o assunto é a análise de indicadores de empresas, não podemos considerar apenas um deles para tomar decisões. O mesmo ocorre com o MVA.

Ainda que seja um indicador de grande relevância, ele pode - quando considerado isoladamente - apontar um resultado que subestima a capacidade da empresa. E isso ocorre porque seu cálculo não leva alguns valores em consideração.

Como vimos, o cálculo do Market Value Added considera apenas o patrimônio e a dívida. Assim, pagamentos em dinheiro estão excluídos desse cálculo e isso deve ser considerado para que se tenha uma análise mais fidedigna possível.

Termo do dia

Iniciativa Privada

O que é Iniciativa Privada Iniciativa Privada, também conhecida como Setor Privado, é o termo usado para denominar todas as instituições e atividades que não envolvem…