O que é a consultoria de investimentos?

A consultoria de investimentos é um serviço prestado por uma pessoa ou por uma empresa com o objetivo de recomendar as melhores aplicações para um investidor, de acordo com os seus objetivos financeiros e seu perfil.

Só pode oferecer esse tipo de solução quem estiver devidamente registrado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), o órgão que regula o mercado de investimentos no Brasil.

Para realizar os serviços, uma consultora é proibida de cobrar comissões ou de receber bônus pelas indicações em aplicações. A única taxa que qualquer empresa ou pessoa que atue de forma autônoma nesse mercado  pode cobrar é a de consultoria. É essa proibição que evita o famoso conflito de interesses, bastante presente nas aplicações sugeridas pelos gerentes de banco.


Como funciona uma consultoria de investimentos?

O trabalho de uma consultoria de investimentos é conduzido por consultores com muita experiência não só técnica quanto prática. O objetivo é alinhar o perfil do cliente com todas as estratégias necessárias para que ele consiga chegar ao seu objetivo financeiro. Para isso, a empresa especializada escolhe os produtos que podem oferecer a relação mais adequada entre os riscos e o retorno financeiro.

Esse tipo de serviço era bastante restrito no Brasil tanto pela dominância dos grandes bancos nessa área quanto pela falta de informação dos investidores. Somado a isso, ainda existia bastante desconfiança da população em relação aos investimentos, o que fazia com que os interessados se mantivessem restritos às aplicações tradicionais ou desistissem de investir. Porém, a consultoria de investimentos está mudando esse cenário com o seu trabalho.

Como uma consultoria de investimentos pode auxiliar o investidor?

Geralmente, existem dois grandes problemas que interferem na saúde financeira do investidor. Um deles é a falta de tempo para adquirir mais conhecimentos em relação ao mundo das finanças e o outro é a falta de confiança em profissionais do banco ou da corretora em que o dinheiro está investido.

Mesmo que o intuito não seja se tornar um especialista em investimentos, para que seja possível conquistar o conhecimento necessário para aumentar um patrimônio exige-se bastante dedicação. Por esse motivo, uma das melhores alternativas é delegar essa tarefa a quem já tenha a qualificação necessária para ajudar.

A consultoria de investimentos, nesse caso, pode ser vista como uma boa solução. Isso porque gerentes de banco ou assessores de corretoras podem ter um foco maior em apresentar somente soluções vinculadas à entidade que representam, enquanto um consultor pode apresentar uma cartela maior de opções de investimento que não sejam tão tradicionais.

Quais são as vantagens de uma consultoria de investimentos?

Uma das principais vantagens de uma consultoria de investimentos, como já mencionado, é a ausência do conflito de interesses. Isso porque a corretora ou o consultor independente não têm o interesse de vender os produtos de sua instituição ou de seus parceiros, como pode acontecer com os bancos. Sendo assim, a única preocupação são os resultados do investimento do cliente.

Outro benefício desse tipo de consultoria é a segurança e a transparência. Isso porque, além de ser obrigatório a licença da CVM, toda consultoria de investimentos recebe fiscalizações constantes que garantem que todo serviço é feito de forma transparente e correta.

Quem pode prestar uma consultoria de investimentos?

Corretoras, bancos e até mesmo casas independentes podem prestar serviços de consultoria, desde que, como dito anteriormente, estejam autorizados pela CMV. Também é possível ter acesso a esse tipo de serviço por meio de consultores independentes ou consultorias online. A diferença entre essas opções é que o serviço ofertado não é o mesmo em todas elas.

De forma resumida, os gerentes de banco ou funcionários cadastrados nas corretoras fornecem algumas informações sobre os investimentos, mas não fazem uma consultoria propriamente dita. Já um consultor independente ou quem trabalha em uma corretora se torna especialista nesse tipo de serviço porque precisa ter uma certificação específica e passar por um exame que reúne diversos conteúdos relacionados a essa área.

Descomplicando a Bolsa de Valores

Termo do dia

Direitos de Subscrição

Os Direitos de Subscrição são um benefício concedido aos acionistas de empresas e cotistas de fundos imobiliários. Entenda como eles funcionam.

Veja outros termos