Última modificação em 14 de janeiro de 2020

O que é Comunismo

Comunismo é uma ideologia com princípios políticos, sociais e econômicos. Sua principal característica é defender a criação de uma sociedade sem classes sociais, na qual os meios de produção sejam de propriedade comum.

É geralmente considerado a etapa final do socialismo e o sistema oposto ao capitalismo.


Diferença entre Socialismo e Comunismo

 

Talvez um dos pontos de maior confusão em relação ao conceito de comunismo seja a distinção com o socialismo. Aliás, em muitos casos, eles são usados como sinônimos quando, na verdade, são conceitos separados.

Como já vimos, o comunismo é considerado a etapa final do socialismo. Isso porque, no socialismo, ainda deve existir Estado (e, portanto, Governo), o qual estaria nas mãos dos trabalhadores. Teríamos a chamada "ditadura do proletariado".

Por outro lado, no comunismo, o Estado seria abolido, e a sociedade se autorregularia sem uma força centralizadora.

Diferença entre Anarquia e Comunismo

Algumas pessoas também têm dificuldade em enxergar a diferença entre a anarquia e o comunismo. Isso porque a anarquia defende o fim de toda forma de coerção, inclusive, do Estado. E, como vimos, o comunismo almeja ser um sistema no qual não há Estado.

A diferença entre as duas filosofias é, primordialmente, a maneira como elas pretendem chegar a esse resultado. A anarquia defende uma transição direta e abrupta. Enquanto isso, o comunismo seria um estágio final em um processo que, antes, passaria pelo socialismo.

História do Comunismo

O ideal essencial por trás do Comunismo é o de uma sociedade igualitária, e esse pensamento já podia ser encontrado desde a Antiguidade Clássica. Um exemplo disso é a obra mais famosa do filósofo grego Platão, intitulada "A República", na qual ele elaborava um modelo de sociedade sem propriedade privada nem unidade familiar.

Pensamentos similares estiveram presentes ao longo da história da humanidade. Porém, foi com a Revolução Industrial e as transformações que ela provocou que a ideologia comunista se consolidou, como proposição alternativa ao regime capitalista que se instaurava.

Os maiores pensadores do Comunismo foram Karl Marx e Friedrich Engels. Juntos, eles publicaram, em 1848, o Manifesto Comunista.

Nos séculos XX e XXI, houve o estabelecimento de alguns regimes declarados como socialistas; dentre os principais, a URSS e a República Democrática da China. Existe alguma polêmica em relação a eles serem realmente socialistas. No entanto, especialistas são unânimes em afirmar que nunca houve um regime comunista de verdade.

Marxismo e Comunismo Puro

O Marxismo enfatiza fortemente a luta de classes e a opressão ao longo da História. Na sociedade capitalista, a classe opressora é a burguesia, detentora dos meios de produção, enquanto a classe oprimida é o operariado, que só pode vender sua mão de obra. A solução para essa relação desigual é eliminar as classes sociais e a propriedade privada.

De acordo com o pensamento marxista, o comunismo seria alcançado por meio de uma revolução dos trabalhadores urbanos e rurais, chamada de revolução proletária.

Marx também fala sobre um comunismo puro que, além de não ter classes, também não teria Estado e seria democrático. No entanto, ele não chega a detalhar como seria o funcionamento econômico dessa sociedade.

Comunismo atual

A visão mais atual do comunismo defende que o progresso tecnológico alcançado pelo capitalismo deve ser preservado e superado, e não abandonado.

Outra questão importante é a definição de um método para garantir a satisfação das necessidades da sociedade. No capitalismo, isso é resolvido pelas forças de mercado (oferta e demanda). Porém, uma das críticas comunistas ao capitalismo é que esse mecanismo é ineficiente e promove desigualdade.

Como o "mercado" não existe no comunismo puro, seria preciso agir deliberadamente, por meio de um sistema de planejamento geral.

No entanto, pelas experiências socialistas, sabe-se que existem dificuldades com o planejamento da economia. Essa é uma das barreiras que pensadores do comunismo precisam superar.

Termo do dia

Ágio

O que é o ágio? Ágio é um termo utilizado no mercado financeiro para designar a diferença entre o valor de mercado de um produto e…

Veja outros termos