Você já ouviu falar em uma máquina que pode aplicar o seu dinheiro em diferentes tipos de investimento para conseguir uma alta rentabilidade? São os robôs de investimento, ou também chamados de robo-advisors. Eles estão na moda e chegou o momento de você entender mais sobre o assunto!

O que são os robôs de investimento?

De maneira geral, o robô de investimento realiza o serviço de distribuição de recursos para você. São empresas financeiras (fintechs) que fazem o serviço de consultoria para o seu dinheiro. Como o processo é totalmente automatizado, são selecionados os investimentos que mais rendem no mercado.

A ideia é usar a tecnologia para criar uma carteira diversificada, com baixos custos e manutenção automática. Na prática, você precisa entrar na plataforma e preencher o formulário que vai descobrir o seu perfil de investidor e seus objetivos financeiros. Alguns detalhes variam de robô para robô, mas a proposta geral é a mesma.

Com as informações definidas, basta você abrir uma conta na corretora parceira do robô, e transferir o dinheiro que deseja investir. A partir daí, o robô vai cuidar de todos os seus investimentos e fará todo o trabalho “chato”.

Um exemplo para você entender melhor: você quer investir R$ 10.000,00, mas está confuso porque não sabe direito como criar o seu portfólio de investimentos. A função do robô de investimento é definir isso! Com base no seu perfil e nos seus objetivos, ele vai criar uma carteira personalizada para você. 40% do seu dinheiro vai para títulos públicos do Tesouro Direto, 30% vai para a LCI de um banco, 20% vai para um fundo de investimento e 10% para ações da bolsa de valores.

Resumindo: o robô vai pegar o seu dinheiro e aplicar em diferentes ativos de acordo com as suas necessidades. É um serviço de gestão/consultoria!

Quer saber mais detalhes sobre o funcionamento dos robôs? Assista a esse vídeo especial, veja a tabela comparativa e leia o post completo sobre o assunto que o Yubb preparou para você!

Vantagens

As principais vantagens dos robôs de investimento são:

Praticidade: não tem nada mais prático do que um sistema fazendo todos os seus investimentos, né? Não ter que se preocupar com burocracias, cadastros, números… A praticidade é a maior vantagem dos robôs.
Rentabilidade automatizada: como o serviço é 100% automatizado, ele consegue procurar as melhores rentabilidades do mercado e juntar em uma só carteira. Isso não é garantia do melhor retorno (né Mais Retorno? hehe), mas é uma grande vantagem para ganhar mais dinheiro.

Acessível para todos: dá para investir em robôs com a partir de R$ 100,00! Ou seja, é uma forma de investimento acessível para todos os bolsos e tipos de investidores.

Sem conflito de interesses: diferentemente de bancos e corretoras, os robôs não recebem nenhuma taxa de comissão por produto investido. Eles cobram uma taxa anual que é referente ao serviço de consultoria, mas esse valor não se altera de acordo com os ativos. Isso significa que não há conflito de interesses, os robôs colocam seu dinheiro realmente onde estão as maiores rentabilidades.

Desvantagens

As principais desvantagens dos robôs de investimento são:

Falta de controle: para os investidores que gostam de estar no controle, os robôs não são uma boa opção. É o sistema que vai decidir para onde vai o seu dinheiro de acordo com a carteira montada e você não consegue ter esse poder de decisão.

Comodidade excessiva: ao investir por robôs, você não precisa se preocupar com quase nada e isso faz com que você fique acomodado nessa situação. Isso pode ser uma desvantagem, porque o investidor acaba não aprendendo sobre o mundo dos investimentos e não conhecendo outras formas de aplicar o dinheiro.

Produtos limitados: cada robô possui a própria política e o seu dinheiro não pode ser investido em qualquer lugar. Existe um robô, por exemplo, que só aplica em Tesouro Direto e ETFs; outro que só coloca em renda fixa privada e por aí vai. Ou seja, não há liberdade para decidir quanto à locação dos produtos.

Para quem é indicado?

Os robôs são indicados para todos os tipos de investidores. Se você é aquele investidor qualificado que já possui um portfólio completo, colocar uma parte do seu patrimônio em robôs de investimento pode ser mais uma forma de diversificação que vai te ajudar a ter uma maior rentabilidade.

Se você é um investidor iniciante, também é uma ótima opção! Os robôs oferecem muita praticidade já que o investidor não precisa ter nenhum trabalho com burocracias, cadastros e acompanhamento de rentabilidade. Como são modernos e funcionam por meio de perfis e objetivos, possuem uma usabilidade simples e não exigem experiência por parte do investidor.

Vale lembrar dois pontos muito importantes:

  1. Não coloque todo o seu dinheiro nos robôs! Uma boa carteira de investimentos é aquela que é diversificada. Saiba como diversificar seus investimentos clicando aqui.
  2. Não se acomode! Se você é um investidor iniciante e está encantado pelas facilidades dos robôs, lembre-se que é muito importante ter conhecimento sobre outros tipos de investimento para ganhar mais dinheiro.

Conclusão: Robôs de investimento são uma boa oportunidade?

Sim! Os robôs de investimento são uma ótima oportunidade para quem está buscando uma forma moderna e diferente para aplicar o dinheiro. A nossa dica aqui é que você vá atrás do que esses quatro robôs podem te oferecer. Faça uma análise das plataformas, veja quanto dinheiro você vai investir, pense em como está a sua vida financeira e dê uma chance aos robôs =)

O que achou dos robôs de investimento? Quer investir em um deles? Clique aqui e veja as melhores opções pelo Yubb! Se tiver qualquer dúvida deixe nos comentários abaixo!

Compartilhe esse conteúdo com mais investidores que você deseja ajudar a conquistar Mais Retorno:

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais:

Robôs de investimento são uma boa oportunidade? Vale a pena?
5 (100%) 1 voto

Importante: As opiniões contidas nesse artigo são do autor do texto e não necessariamente refletem a opinião do Mais Retorno.