Open Nav Logo Mais Retorno

Desempenho dos fundos de ações brasileiros no atual Bull Market

Por:
15/05/2019

O Brasil passou por importantes e imprevisíveis transformações desde 2014, quando mergulhou em sua maior crise econômica. Além de aceleração e adensamento de movimentos sociais, saímos de uma tempestade quase que perfeita para remar em águas mais calmas.

Concorde ou não com os motivos, o fato é que desde o impeachment da ex-presidente Dilma, a situação no mercado melhorou muito. O movimento de alta foi bem forte e entramos num período mais longo de bull market (que é, de forma simplificada, quando há uma maior tendência de alta), ainda que com sua volatilidade própria deste país.

Claro, não podemos deixar de notar que o mundo deu uma ajudada, e desde 2016 o apetite ao risco envolvendo países emergentes aumentou, ou seja, os gringos estão mais dispostos a tirarem o dinheiro de seus países, onde há mais segurança, estabilidade e com boas instituições, para buscar rentabilidade maiores em países em desenvolvimento, como o caso do Brasil.

Esse tipo de apetite pode ser quantificado utilizando uma metodologia similar ao que o Banco Central usou no seu último Relatório de Estabilidade Financeira, envolvendo países como Rússia, México, Turquia, Índia, Indonésia, África do Sul e Brasil. Desta forma, veja abaixo uma versão mais atualizada e completa desse apetite.

Uma consequência imediata desse maior apetite foi a elevação do Ibovespa, que está numa tendência de alta desde 2016, mas com maior vigor a partir de 2017, a despeito de seus tropeços momentâneos.

Os indicadores acima serviram para fortalecer e comprovar a sensação de que há um bull market vigente no país, ilustrado tanto por um indicador doméstico como externo.

Celebrado a confirmação desse movimento altista, que tenho certeza que o leitor já havia sentido ou verificado, fica a pergunta: como os fundos de investimentos em ações estão rendendo?

Para responder essa pergunta, foi preciso pegar os dados das cotas diárias de todos os fundos de investimento do país na CVM e filtrar para aqueles que estão classificados como Fundos de Ações, que não seja fundo exclusivo, não seja cadastrado na ANBIMA como mono ação, além de ter mais de 20 cotistas.

Para completar os filtros, consideramos apenas os fundos cadastrados na ANBIMA como fundos masters e, portanto, desconsideramos aqueles fundos que estavam cadastrados como fundo feeder. Não sabe o que isso quer dizer? Felizmente esta divisão entre fundos já foi bem explicado em “Fundo Master, Feeder e FIC: entenda o que são e como funcionam”, sendo que o objetivo é evitar a dupla contagem.

Feito isso, vamos definir o primeiro dia útil de 2017 como o período base, pois terá passado toda a loucura que foi o período pré e pós-impeachment e que confirma a presença do bull market.

Evidentemente há implicações quando você coloca esses critérios e alguns fundos interessantes ficam de fora. Um exemplo é o fundo Alaska Black Institucional FIA, que começou suas operações em fevereiro de 2017 e acabou saindo no corte, embora tenha acumulado em torno de 100% de rendimento até hoje.

Feito isso, é possível ver a rentabilidade que cada fundo acumulou desde 02/01/2017 até 09/05/2019. O ranking completo está abaixo. Na coluna retorno é o acumulado entre o começo e o fim do período e a segunda coluna mostra a diferença entre tal retorno acumulado e o desempenho do Ibovespa, que também foi muito bom (59,6%).

Essa diferença de retorno sinaliza o quão melhor (ou pior) foi a performance do fundo em relação à um indicador de mercado, no caso o Ibovespa.

Discussões e Conclusões

Assim, a ideia é ver não só o resultado do fundo, mas como ele ficou perante um dos principais indicadores do mercado e o mais importante indicador do mundo das ações. O resultado é bastante curioso, pois cerca de metade dos fundos (49%) acumulou rendimento inferior ao desempenho do Ibovespa, ao passo que a outra metade conseguiu superar.

Por sua vez, apenas cerca de ¼ (ou 23,8%) dos fundos do nosso grupo conseguiram render 10 p.p. a mais do que o principal índice do mercado acionário brasileiro e esses resultados ressaltam alguma dificuldade de ter retornos muito acima do mercado, mesmo em um momento de bull market.

Devemos fazer algumas ponderações aqui: embora não tenha comentado anteriormente, o mercado poderá intensificar o movimento altista após uma boa reforma da previdência ser aprovada, o que pode abrir uma nova janela de oportunidade para esses fundos melhorarem seus resultados, tanto aqueles que estão abaixo do mercado, quanto os fundos que estão acima.

Não há exatamente uma garantia de que os fundos que mostraram uma boa performance nesse período irão mostrar desempenho melhor que os demais nos próximos meses e anos. Somado a isso, vale ressaltar também que um fundo que não foi tão bem no passado não está fadado ao fracasso nos investimentos futuros.

Em suma, essa é uma boa amostra para o leitor conhecer e ter contato com o nome dos fundos que exibiram uma performance interessante num dos períodos de maiores ganhos no mercado brasileiro.

Além disso, para aumentar o poder de avaliação, o leitor pode verificar o desempenho desses mesmos fundos durante o período de recessão do país. Imagina só encontrar um fundo que tenha conquistado um bom resultado durante o bear market (crise) e também no bull market (na atual recuperação), é algo para ficar de olho, certo?

Como fazer isso? Caso tenha curiosidade em buscar o desempenho dos fundos, acesse o Comparador de Fundos do Mais Retorno, colocando o nome do fundo e personalizando o período de interesse. Dica: você pode considerar a crise econômica que o país vivenciou como o período entre 01/04/2014 até 31/12/2016.

Sentiu falta de algum fundo importante? Deixe o nome dele nos comentários para verificarmos se há algum problema em seu cadastro na ANBIMA, período de atividade, classe ou algum outro erro que tenha o impedido de aparecer em nossa listagem.

Nome do FundoRetornoRetorno (-) Ibovespa
JOULE VALUE FIA125.90%66.30%
ZENITH FIC DE FIA123.46%63.86%
REAL INVESTOR FIA121.55%61.95%
NEO FUTURE FIC DE FIA105.39%45.79%
VIC NEO FIC DE FIA103.07%43.47%
VITÓRIA RÉGIA FIA102.98%43.38%
SKOPOS BRK FIC DE FIA100.21%40.61%
AZ QUEST TOP LONG BIASED FIC DE FIA89.73%30.13%
AZ QUEST SMALL MID CAPS FIC DE FIA86.98%27.38%
JMALUCELLI SMALL CAPS FIA82.49%22.89%
ITAÚ AÇÕES PHOENIX FIC DE FI82.19%22.59%
SUL AMÉRICA EQUITIES FIA82.17%22.57%
MOSAICO FIA81.59%21.99%
ITAÚ PRIVATE AÇÕES PHOENIX FIC DE FI79.98%20.38%
ITAÚ PERSONNALITÉ AÇÕES VALOR FIC DE FI79.50%19.90%
SET CAPITAL FIA79.43%19.83%
ITAÚ MOMENTO AÇÕES - FIC DE FI79.32%19.72%
BANRISUL AÇÕES FIA78.79%19.19%
VIC BRASIL CAPITAL FIC DE FIA76.99%17.39%
OCEANA VALOR FIC DE FIA76.84%17.24%
PRÓPRIO CAPITAL FIA76.70%17.10%
ITAÚ AÇÕES MOMENTO 30 FIC DE FI76.56%16.96%
SQUADRA AZZURRA FIC DE FIA76.37%16.77%
SAFRA CONSUMO FIC DE FIA75.21%15.61%
ITAÚ CLASSE MUNDIAL AÇÕES FIC DE FI75.14%15.54%
SQUADRA LONG-BIASED FIC DE FIA74.85%15.25%
POLO II FIC DE FIA73.39%13.79%
XP INVESTOR FIA72.95%13.35%
LUMINUS FIA72.82%13.22%
SUL AMÉRICA SELECTION FIA72.29%12.69%
SAFRA SETORIAL BANCOS FIC DE FIA71.42%11.82%
ITAÚ AÇÕES FUND OF FUNDS MULTIGESTOR X - FI70.90%11.30%
APEX ACÕES 30 FIC DE FIA70.69%11.09%
SANTANDER FIC FI SELEÇÃO TOP AÇÕES70.21%10.61%
JAVELIN FIC DE FIA70.03%10.43%
ARX INCOME FIA69.59%9.99%
TEMPO CAPITAL MANACÁ FIC DE FIA69.46%9.86%
LAGOA FIC DE FIA69.08%9.48%
MIM-104 FIC DE FIA68.93%9.33%
APEX AÇÕES 30 BP FIC DE FIA68.50%8.90%
SAFRA FIA BDR-NIVEL I PB68.46%8.86%
XP DIVIDENDOS FIA68.38%8.78%
BAHIA AM VALUATION FIC DE FIA67.05%7.45%
BOGARI VALUE FIC DE FIA66.77%7.17%
PAVA FIA66.47%6.87%
LACAN VALOR FIA66.40%6.80%
ÓRAMA AÇÕES FIC DE FIA66.08%6.48%
ATMOS INSTITUCIONAL FIC DE FIA65.16%5.56%
ITAÚ PRIVATE SELECT AÇÕES FIC DE FI65.07%5.47%
ATMOS AÇÕES FIC DE FIA64.97%5.37%
PRISMA FIA64.55%4.95%
AZ QUEST AÇÕES FIC DE FIA64.55%4.95%
WM IBOVESPA PLUS FIA64.35%4.75%
MULTIGESTOR AÇÕES FIC DE FIA64.25%4.65%
SAFRA FIC DE FIA BDR-NÍVEL I64.15%4.55%
BELVEDERE RENOIR FIA64.08%4.48%
ITAÚ SMALL CAP VALUATION FIC DE FIA64.01%4.41%
ITAÚ SELEÇÃO AÇÕES FIC DE FI63.80%4.20%
ITAÚ PRIVATE ATIVO AÇÕES FIC DE FI63.77%4.17%
TNA AÇÕES III FIC DE FIA63.75%4.15%
UBS EQUITY MULTIMANAGER PORTFOLIO FIC DE FIA63.65%4.05%
BOGARI VALUE D FIC DE FIA63.51%3.91%
ÓRAMA BOLSA MID LARGE SMALL CAP FIA63.36%3.76%
BB AÇÕES TECNOLOGIA FI62.00%2.40%
ARX LONG TERM FIC DE FIA61.50%1.90%
ATMOS AÇÕES II FIC DE FIA61.47%1.87%
SCHRODER IBX PLUS FIC DE FIA61.39%1.79%
SHARP EQUITY VALUE INSTITUCIONAL FIA61.32%1.72%
BB ESPELHO AÇÕES BTG PACTUAL ABSOLUTO PRIVATE FIC FIA60.95%1.35%
BNP PARIBAS SMALL CAPS FI AÇÕES60.90%1.30%
VIC RV FIC DE FIA60.75%1.15%
ATMOS ATIT FIC DE FIA60.05%0.45%
WESTERN ASSET FI AÇÕES BDR NÍVEL I60.02%0.42%
SAFRA SMALL CAP PB FIC DE FIA60.00%0.40%
STK LONG ONLY INSTITUCIONAL FIA59.59%-0.01%
TNA AÇÕES IV FIC DE FIA59.58%-0.02%
ÁGORA BOLSA FIC DE FIA59.55%-0.05%
ITAÚ VÉRTICE IBOVESPA INDEX FIC DE FIA59.54%-0.06%
ITAÚ CAIXA AÇÕES - FI59.48%-0.12%
SICREDI - FIA IBOVESPA59.35%-0.25%
BB PREVIDENCIÁRIO AÇÕES GOVERNANÇA FI59.17%-0.43%
ITAÚ FOF RPI AÇÕES IBOVESPA ATIVO FIC DE FI59.04%-0.56%
SAFRA EXPORTAÇÃO FIA58.99%-0.61%
BAHIA AMII FIA58.96%-0.64%
OCEANA LONG BIASED FIC DE FIA58.23%-1.37%
TAGUS FUNDAMENTAL FIA58.01%-1.59%
ITAÚ AÇÕES IBRX ATIVO FIC DE FI57.99%-1.61%
ITAÚ PERSONNALITÉ AÇÕES IBRX ATIVO - FIC DE FI57.81%-1.79%
VINCI GAS LOTUS FIC DE FIA57.74%-1.86%
ALFA AÇÕES PREMIUM - FIA57.29%-2.31%
MIRAE ASSET IBOVESPA ATIVO FIA56.87%-2.73%
ITAÚ IBOVESPA SELECT AÇÕES - FIC DE FI56.57%-3.03%
SANTANDER FI IBOVESPA ATIVO INSTITUCIONAL AÇÕES56.56%-3.04%
PERFIN FORESIGHT FIC DE FIA56.56%-3.04%
PORTO SEGURO AÇÕES FIC DE FI56.34%-3.26%
MIRAE ASSET IBOVESPA ATIVO GOLD FIA56.28%-3.32%
SANTANDER FIC FI PB VALOR AÇÕES56.05%-3.55%
JFA FIC DE FIA55.95%-3.65%
VINCI GAS SELEÇÃO DIVIDENDOS FIA55.77%-3.83%
ITAÚ FOF MASTER LONG BIAS II FIA55.77%-3.83%
BB AÇÕES MULTIGESTOR PRIVATE FIC DE FI55.51%-4.09%
VINCI GAS FLASH FIC DE FIA55.31%-4.29%
TNA FIC DE FIA54.64%-4.96%
ITAÚ PRIVATE MULTI AÇÕES - FIC DE FI54.46%-5.14%
ITAÚ AÇÕES GOVERNANÇA CORPORATIVA - FIC DE FI54.29%-5.31%
SPINELLI FIA54.13%-5.47%
RIO BRAVO PORTFÓLIO DIVERSIFICADO EQUITIES FIC DE FI EM AÇÕES53.66%-5.94%
SANTANDER FI PIBB AÇÕES53.02%-6.58%
MÓDULO I FIC DE FIA52.14%-7.46%
AAA AÇÕES FIC DE FIA52.03%-7.57%
WESTERN ASSET AÇÕES DIVIDENDOS FIC DE FI51.27%-8.33%
QUELUZ VALOR FIA50.54%-9.06%
VERDE AM VALOR DIVIDENDOS FIA49.48%-10.12%
OPPORTUNITY LOGICA II FIC DE FIA48.65%-10.95%
MÓDULO INSTITUCIONAL FIA BDR NÍVEL I48.62%-10.98%
NUCLEO AÇÕES FIC DE FIA47.94%-11.66%
NUCLEO CSHG AÇÕES FIC DE FIA47.88%-11.72%
SANTANDER FIC FI LONG BIASED AÇÕES47.77%-11.83%
LECCA VALUATION FIC DE FIA46.87%-12.73%
BANRISUL PERFORMANCE FIA46.36%-13.24%
JGP LONG ONLY INSTITUCIONAL FIA45.82%-13.78%
BB AÇÕES CARBONO SUSTENTABILIDADE FIA45.64%-13.96%
ATHENA TOTAL RETURN II FIC DE FIA45.38%-14.22%
PLATINUM CAPITAL ABSOLUTO FIA45.03%-14.57%
WM SMALL CAP FIA43.90%-15.70%
MORE AÇÕES FIC DE FIA43.85%-15.75%
IP-VALUE HEDGE PARTNERS FI EM COTAS DE FIA BDR NÍVEL I43.70%-15.90%
WESTERN ASSET AÇÕES IBOVESPA ATIVO SILVER FIC FI42.37%-17.23%
SANTANDER FIC FI ÔNIX AÇÕES42.18%-17.42%
ITAÚ AÇÕES ESTRATÉGIA S&P500® FIC DE FI41.31%-18.29%
ARMATA ADVISORY FIC DE FIA38.48%-21.12%
SAFRA SELECTION FIC DE FIA37.63%-21.97%
VIC LONG SHORT FIA BDR NÍVEL I36.49%-23.11%
ALFAMAIS - FIC DE FIA35.90%-23.70%
OCCAM LONG & SHORT PLUS FIC DE FIA34.47%-25.13%
ITAÚ AÇÕES BDR NÍVEL I FIC DE FI33.28%-26.32%
IP PARTICIPAÇÕES FIC DE FIA BDR NÍVEL I31.66%-27.94%
ITAÚ PRIVATE EXCELÊNCIA SOCIAL AÇÕES - FIC DE FI30.00%-29.60%
IP PARTICIPAÇÕES IPG FIC DE FIA BDR NÍVEL I28.77%-30.83%
ITAÚ EXCELÊNCIA SOCIAL FIC DE FIA27.53%-32.07%
SANTANDER FI ETHICAL II AÇÕES26.11%-33.49%
ITAÚ INDEX IBOVESPA 1 FIA24.05%-35.55%
SANTANDER FIC FI ETHICAL AÇÕES19.11%-40.49%
TARPON CSHG FIC DE FIA18.98%-40.62%
TOTH CAPITAL FIA15.32%-44.28%
ALFA - FIC DE FIA10.73%-48.87%
VINCI PRIORITÁRIO FIA-71.92%-131.52%

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais.

Sobre o autor

  • Arthur Lula Mota
  • Economista, já atuou no mercado financeiro e em departamento econômico, com elaboração de cenários macroeconômicos e estudos setoriais. Atualmente é Mestrando em Economia pela Universidade de São Paulo (USP) e dono de um dos maiores sites independentes de economia no Brasil – o Terraço Econômico.

Leia também:

Deixe seu comentário aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


2 Comentários