Nem só de números vive um economista. Eu sempre gostei muito de história, ainda mais histórias de grandes personalidades, em especial de finanças e economia.

Além disso, muitas vezes uma personalidade se confunde com algum assunto muito importante para finanças e saber mais sobre tal pessoa nos ajuda a entender também técnicas, jargões e conceitos muito usados no mercado financeiro.

E pensando nisso, vamos começar com uma personalidade importantíssima do mundo de Valuation: o indiano Aswath Damodaran.

A ideia é que recorrentemente escrevamos um texto sobre algum financista ou economista da maior relevância para o mundo dos investimentos.

Sem maiores delongas vamos conhecer um pouco da sua contribuição para nosso interesse.

Por isso, continue lendo para saber mais sobre:

Quem é Damodaran
Porque Damodaran é tão importante
Técnicas de valuation utilizadas por Damodaran
Damodaran no Brasil

Quem é Damodaran

Quem é Aswath Damodaran

Damodaran nasceu na Índia, por lá, dão muito valor à matemática e existem muitas mentes indianas brilhantes em economia e finanças. Ele atualmente é professor de finanças na universidade de Nova York.

Na universidade de Nova York, Damodaran é professor de finanças coorporativas e avaliação de ações. Possui uma grande reputação e escreveu diversos livros sobre o assunto, como Investment Valuation; Damodaran on Valuation e The Little Book of Valuation, além de diversos outros que tratam de finanças corporativas.

Além disso, é escritor de diversos jornais e possui um blog que discute assuntos atuais, além de postar diferentes análises.

O que falei sobre algumas personalidades se confundirem com algum assunto especifico vale muito para Damodaran. É impossível não pensar nele e não lembrar de Valuation, tanto que é conhecido como o Papa do Valuation.

Mas agora você vai entender melhor o motivo de ele ser tão reconhecido.

Porque Damodaran é tão importante

Por que Damodaran é tão importante

Como disse acima, Damodaran tem a alcunha de o Papa do Valuation.

Para alguém ter a alcunha de “papa” de algo, ele deve ser muito bom nisso. E de fato ele é.

Damodaran junto com Tom Copeland é um guru moderno de Valuation e uma referência no assunto.

Mas o que é Valuation?

Bem, já fizemos um texto aqui sobre a análise fundamentalista. Basicamente, se trata da forma de verificar indicadores de uma empresa para tentar deduzir se uma empresa tem potencial de valorização ou não.

O Valuation é um pouco disso e usa técnicas da análise fundamentalista, inclusive. Mas o conceito completo de Valuation é uma técnica que vai ainda mais além.

O termo Valuation vem do inglês e indica avaliação de empresas. Você pode pensar: “Sim, mas a análise fundamentalista é justamente isso. Por que a diferença, então?”

O Valuation vai mais além pois se encarrega de determinar de fato quanto uma empresa vale. Exatamente isso. Através de diversas métricas, ele diz que tal empresa vale R$ 1 milhão ou R$ 1 bilhão.

Trata-se de um campo valioso quando se analisa empresas!

Imagine o quanto de negócios são feitos entre empresas. Uma adquirindo outra, uma fusão entre as duas, venda de ativos sem perda de participação total e assim por diante.

Para se fazer tudo isso, é necessário saber o valor exato da empresa. Ninguém quer vender sua companhia por um preço abaixo do que vale, assim como ninguém quer pagar a mais por ela.

Além disso, sabendo o preço de uma empresa, é possível dizer se suas ações estão sendo negociadas por um valor acima, abaixo ou no preço justo. Logo, se tem oportunidades de ganhos de capital aí também.

É justamente nisso que Damodaran se destaca e é uma referência no assunto. Ele escreveu diversos livros e ajudou a desenvolver o assunto.

Muitos analistas de mercado utilizam seus ensinamentos noites adentro (sim, quem trabalha com investment banking normalmente vira noites trabalhando) analisando empresas.

Veja agora como Damodaran faz isso.

Técnicas de valuation utilizadas por Damodaran

Técnicas de valuation utilizadas por Damodaran

Damodaran, como avaliador de empresas, é um adepto do Value Investing, que prega que empresas devem ter de fato valor se o serviço ou produto que vendem tiver valor e a empresa apresentar sólidos indicadores financeiros.

E Damodaran acredita bastante no ganho que o Valuation tem.

Tanto é que até prefere abordar de forma diferente esse assunto, pois acha que empresas consolidadas e conhecidas são avaliadas por todos players do mercado e, portanto, é difícil obter algum ganho com essas empresas (já que todos irão chegar a conclusões parecidas).

Dadodaran então prega que o melhor é se avaliar ativos não tão conhecidos. Foi por isso que se tornou tão conhecido, inclusive. Ele ganhou notoriedade por analisar ativos que não são tão fáceis de se avaliar.

É o caso da Apple – que o próprio diz ser seu melhor movimento. Ele começou a comprar ações da companhia em meados dos anos 1990, quando elas valiam pouco mais de um dólar. Vendeu boa parte delas em 2012, quando estavam perto dos 100 dólares.

Damodaran é um usuário de números de empresas, como não poderia ser diferente. Ele olha muito todos os números, seja o lucro, fluxo de caixa, patrimônio líquido, perspectivas de ganhos, estrutura de impostos, etc. e é muito detalhista.

Mas Damodaran também diz que é preciso entender a história por trás de cada número.

Para ele, um número pode estar distorcido e então você precisa entender se eles realmente são sustentáveis. Se você encontra uma empresa com uma boa história, então, é hora de se debruçar nos números para ver se eles confirmam esta história.

Fica claro que Valuation não é apenas uma forma de olhar e se debruçar em números e cálculos. Existe um quê de arte também nesse campo.

Damodaran no Brasil

Damodaran no Brasil

Eu, particularmente, acredito muito no que Damodaran prega e em Valuation em geral. Para mim é algo próximo de ciência e nos ilumina de diversas maneiras.

Existem, entretanto, algumas críticas às aplicações dos conceitos de Damodaran para o Brasil. Na verdade, para mercados emergentes em geral.

É aquela velha história de que num mercado desenvolvido, as variáveis são muito mais estáveis do que em mercados emergentes.

Assim, algumas premissas utilizadas nas técnicas de Damodaran só fariam sentido nos mercados desenvolvidos e assim, algumas de suas conclusões seriam equivocadas para mercados em desenvolvimento.

Tem algum sentido isso, mas eu acredito que Damodaran pode ser muito utilizado também no Brasil. É preciso apenas verificar alguns cuidados ao se utilizar eles.

Mas, sem dúvidas, Damodaran fornece luz para se determinar os caminhos a se chegar no valor de uma empresa e deve sim ser utilizado.

Damodaran, inclusive, falou da Petrobrás em um período recente e disse que se tratava de um caso clássico de destruição de valor.

Dito e feito, Petrobrás passou por uma intensa desvalorização, vindo a se recuperar apenas com a troca de administração.

Conclusão

Damodaran é um guru do Valuation e muito estudado ao redor do mundo. Tem diversos livros e ensina os “caminhos das pedras” para se chegar ao valor de uma empresa.

O Valuation é uma ferramenta de extrema importância no mercado, tanto para fazer negociação entre empresas não listadas em bolsa, quanto para se chegar a um valor justo e conseguir verificar se aquela ação está ou não cara.

Damodaran é um mestre nisso e é sempre importante conhecer a personalidade que inspira determinado campo das finanças.

Você já conhecia esse grande mestre? E como escolhe as ações que quer investir?

Se ficou com alguma dúvida ou quiser contribuir mais com o assunto comente abaixo!

Compartilhe esse conteúdo com mais investidores que você deseja ajudar a conhecer o Papa do Valuation, Aswath Damodaran.

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais:

Aswath Damodaran: saiba tudo sobre o papa do valuation
4.3 (85%) 4 votos